Publicidade

Estado de Minas EDUCAÇÃO

Volta às aulas em Uberlândia: 31% dos alunos foram à escola

Balanço da prefeitura foi divulgado após uma semana da retomada das atividades. Sexta-feira (18/6) foi o dia com maior presença de alunos da rede municipal


21/06/2021 19:03 - atualizado 21/06/2021 19:12

Escola em Uberlândia: sistema híbrido de aulas completou uma semana nesta segunda-feira (21/6)(foto: Prefeitura de Uberlândia/Divulgação)
Escola em Uberlândia: sistema híbrido de aulas completou uma semana nesta segunda-feira (21/6) (foto: Prefeitura de Uberlândia/Divulgação)
O balanço da primeira semana de volta gradual às aulas presenciais em Uberlândia, no Triângulo Mineiro, mostra que 31% dos alunos que poderiam comparecer procuraram às escolas.

O número foi alcançado na sexta-feira (18/6), sendo que a capacidade máxima permitida é de 50%. A prefeitura adotou um sistema híbrido, com parte dos alunos em sala de aula e outra parte no ensino à distância.
 
Segundo a Secretária de Educação, Tania Toledo, as atividades foram realizadas sem grandes intercorrências. Por enquanto, nenhum caso de COVID-19 foi confirmado, ainda que seja necessária mais uma semana de verificação para comprovar que não houve registros.
 
“Seguimos com respeito e com os cuidados necessários para fortalecer a educação e os laços da rede municipal observando a prioridade de sempre: a saúde. As escolas seguem preparadas com álcool em gel, com distanciamento, uso de máscaras e os servidores, em sua maioria, já receberam a primeira dose da vacina. E estamos monitorando, com apoio e comunicação constante junto à Secretaria Municipal de Saúde, para que tal segurança e suporte permaneçam”, afirmou.
 
Conforme a cartilha do protocolo sanitário adotada em janeiro, pais e responsáveis poderão optar pela permanência de estudantes no ensino remoto, sem risco de penalizações.
 
O sistema híbrido estabelecido na cidade prevê que as turmas sejam divididas em dois grupos de revezamento: enquanto em uma semana metade dos estudantes vão para o ensino presencial, a outra metade segue o conteúdo a distância.
 
Na semana seguinte, os que tiveram aulas presenciais passam para o ensino remoto e vice-versa. Dessa forma, as instituições serão mantidas diariamente com metade da capacidade de atendimento físico, garantindo a adoção de normas de distanciamento.
 
A rede municipal de ensino de Uberlândia tem hoje cerca de 70 mil alunos.
 
Cabe a cada unidade de ensino, com as redes de comunicação próprias, comunicar as famílias sobre as datas das aulas presenciais. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade