Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

COVID-19: 78 hospitais de Minas recebem nova remessa de kit intubação

Quase 40 unidades dos sedativos são suficientes para cobertura de quatro a sete dias, segundo a Secretaria de Estado de Saúde


07/06/2021 17:14 - atualizado 07/06/2021 18:31

Mais de 40 mil medicamentos foram distribuídos (foto: Secretaria Estadual de Saúde/Divulgação)
Mais de 40 mil medicamentos foram distribuídos (foto: Secretaria Estadual de Saúde/Divulgação)
A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) enviou para 78 hospitais 39.715 unidades de fentanila, remifentanila, cisatracúrio e atracúrio. Os sedativos, que compõem o kit intubação, são suficientes para cobertura de quatro a sete dias. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (7/6)

Os insumos são direcionados a instituições que se encontram com níveis de disponibilidade dos medicamentos considerados críticos. Os itens são essenciais para a sedação dos pacientes em tratamento da COVID-19, sendo que o fentanil foi adquirido pelo governo de Minas e, os demais, pela União.

Veja aqui a relação das unidades hospitalares que receberam os medicamento

Monitoramento


A SES-MG, juntamente com o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde de Minas Gerais (Cosems-MG), faz o levantamento periódico dos quantitativos dos prestadores e fornecedores de medicamentos e insumos das unidades hospitalares.

"Também é monitorado o abastecimento de fármacos nas redes públicas e privadas de assistência médico-hospitalar, que devem informar regularmente à SES-MG sobre estoques disponíveis de medicamentos e insumos", informou o Governo de Minas.

O monitoramento é feito a partir da autodeclaração e preenchimento de formulário. Assim que cada remessa chega ao estado, o resultado do monitoramento semanal é analisado para distribuição aos hospitais em situação mais crítica.

Confira a relação de medicamentos:
 
Fentanila: 21.350
Remifentanila: 3.815
Cisatracúrio: 8.300
Atracúrio: 6.250
 
Total: 39.715  

COVID-19 em Minas 

Minas confirmou 2.049 casos e 63 mortes por COVID-19 em 24 horas. De acordo com o boletim epidemiológico, foram confirmados 1.623.944 casos e 41.673 mortes desde o início da pandemia.

A média móvel de mortes, por data de notificação, é de 168 em um dia. Em 25 de maio, era de 223. Em duas semanas, foi verificada queda de 24,6% na média móvel de mortes. A média móvel de casos é de 7.420 em um dia. Em 25 de maio, era de 7.467. (Com informações de Márcia Maria Cruz)


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade