Publicidade

Estado de Minas COVID-19

Ex-prefeito de Janaúba e filho morrem no mesmo dia de COVID-19

Pai e filho estavam internados em Montes Claros e morreram em um intervalo de poucas horas


02/04/2021 19:53 - atualizado 02/04/2021 21:06

O ex-prefeito de Janaúba, Wildemar Maximon Cruz, o Vivi, e o filho, o empresário Wildemar Maximino Cruz Júnior, o Dema, morreram com poucas horas de diferença(foto: Reprodução/Redes sociais)
O ex-prefeito de Janaúba, Wildemar Maximon Cruz, o Vivi, e o filho, o empresário Wildemar Maximino Cruz Júnior, o Dema, morreram com poucas horas de diferença (foto: Reprodução/Redes sociais)


O ex-prefeito de Janaúba (Norte de Minas), Wildemar Maximino da Cruz (DEM), o Vivi, de 84 anos, que administrou o município por tres mandatos, morreu na tarde desta sexta-feira, (2/4) vítima da COVID-19. Ele faria 85 anos no próximo dia 8. Poucas horas depois, o filho dele, o empresário Wildemar Maximino da Cruz Júnior, o Dema, de 55, também morreu em decorrência do coronavírus.
 

Pai e filho estavam internados em Montes Claros e ambos foram intubados diante o agravamento da doença respiratória. Vivi deu entrada na Santa Casa de Montes Claros há 13 dias. Wildemar Junior tinha sido internado no Hospital Aroldo Tourinho há 20 dias.
 
Vivi Cruz administrou Janaúba nos períodos de 1971 a 1973, 1977 a 1982 e de 1997 a 2000. Foi também um dos principais responsáveis pelas obras de infraestrutura de Janaúba (72 mil habitantes). O município sedia o projeto de irrigação do Gorutuba, sendo hoje um grande centro produtor de banana do país.
 
O ex-prefeito era amigo do ex-governador Francelino Pereira (1921/2017) e, graças a esta influência ,conseguiu o asfaltamento do trecho da MG-122, que liga a BR-251 até a cidade.

Durante os seus três mandatos a frente da gestão municipal, Vivi executou construções importantes na cidade do Norte de Minas, como o atual prédio da prefeitura, a rodoviária e o mercado municipal da cidade. Além de  Wildemar Júnior, era pai de três filhas.
 
Além de integrar a safra dos antigos líderes políticos do Norte de Minas, Wildemar Maximino da Cruz se destacou na vida empresarial (no ramo de cerâmico e outros negócios) e como produtor rural, sendo ex-presidente do Sindicato Rural de Janaúba. O filho dele, Wildemar Júnior era dono de um posto de gasolina cidade.
 
O atual prefeito de Janaúba, José Aparecido Mendes (PSD) decretou luto oficial por três dias na cidade devido às mortes do ex-prefeito e do filho dele.
 
Em mensagem publicada numa rede social, José Aparecido destacou a atuação de Wildemar Maximino da Cruz como “um dos maiores líderes políticos de Janaúba de todos os tempos”. “Ele era diferente sim, e deixa um legado como um dos maiores benfeitores de nossa Janaúba”, enfatizou Mendes.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade