Publicidade

Estado de Minas FLEXIBILIZAÇÃO

Uberlândia estende horário para entrega de refeições e de supermercados

Novo decreto, contudo, mantém restrições como toque de recolher e lei seca por mais duas semanas


20/03/2021 11:12 - atualizado 20/03/2021 12:03

Chamada fase rígida do plano municipal contra COVID-19 chegará a 45 dias(foto: Divulgação/Prefeitura de Uberlândia)
Chamada fase rígida do plano municipal contra COVID-19 chegará a 45 dias (foto: Divulgação/Prefeitura de Uberlândia)
Apesar de renovar medidas de restrições de comércio e circulação pela cidade por mais 15 dias, a Prefeitura de Uberlândia flexibilizou entregas de refeições e também o horário de funcionamento dos supermercados aos domingos. Segue proibida a venda de bebidas alcoólicas em qualquer estabelecimento e o toque de recolher entre 20h e 5h.

De acordo com novo decreto publicado pelo município, as entregas de estabelecimentos como restaurantes, lanchonetes, pizzarias, sorveterias, bares serão permitidas até 22h, com recebimento de pedidos até 21h. O funcionamento deve ser exclusivamente interno. Anteriormente, o limite era 20h, com pedido feitos até 19h.

Entregadores fizeram pelo menos três manifestações para que eles pudessem fazer entregas até mais tarde na cidade. Eles, contudo, pediam que o chamado delivery fosse até o fim da noite.

A nova deliberação municipal também possibilita que supermercados continuem de portas abertas até 14h aos domingos, e não só até meio-dia, como funcionaram nas últimas semanas. O objetivo, segundo o município é evitar aglomerações próximo ao horário de almoço, a exemplo do que foi relatado para o poder público.

As novas regras valem até 2 de abril, o que estenderá a chamada fase rígida do plano municipal de ações contra a COVID-19 por cerca de 45 dias. O município tenta conter o avanço da doença, que, em março, chegou a ter seu pior momento e não há baixa na ocupação de leitos.

“Vamos respeitar os protocolos, nos ajudem. Nós só poderemos vencer essa pandemia se estivermos juntos”, pediu o prefeito Odelmo Leão (PP) em redes sociais, ao anunciar as mudanças das regras locais. 

Há 1.503 mortes confirmadas em decorrência da infecção por coronavírus em Uberlândia até agora. Só nos 19 primeiros dias de março, foram 415 óbitos do tipo. A ocupação de leitos de UTI na cidade é total, com mais de 76,8 mil casos da doença desde o início da pandemia.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade