UAI
Publicidade

Estado de Minas VIOLÊNCIA

Homem que abusou da filha por 16 anos é preso em Poços de Caldas

Abusos começaram quando vítima tinha apenas 9 anos; empresário de 73 anos está detido em presídio


18/03/2021 16:49 - atualizado 18/03/2021 17:29

Polícia tem investigado crimes de abusos sexuais em Poços de Caldas
Polícia tem investigado crimes de abusos sexuais em Poços de Caldas (foto: Redes Sociais/Reprodução )

Um conhecido empresário de Poços de Caldas , de 73 anos, foi preso por abusar sexualmente da própria filha de 25 anos. O crime ocorria constantemente desde a infância da vítima, e começaram quando a mulher tinha 9 anos de idade.  


O empresário foi encaminhado para o presídio de Botelhos, depois que o mandado de prisão foi expedido pela justiça, com base no pedido da delegada chefe do Departamento Especializado de Atendimento à Mulher de Poços de Caldas.

 

As investigações tiveram início quando a vítima procurou a delegacia e contou que era abusada sexualmente desde que era criança. Tais abusos ocorreram sempre ou na casa em que viviam ou na de sua avó, já que os pais são separados.

 

A vítima relatou, ainda, aos policiais, que sempre foi ameaçada pelo pai e que a primeira vez que foi abusada, ela tinha apenas nove anos. Ela chegou a ficar grávida do próprio pai e que no período de gestação, também chegou a ser abusada por ele. O pai ameaçava não ajudar nas despesas durante a gravidez, caso ela não se relacionasse com ela.

 

Entre as provas do processo está um pen drive, que foi encontrado pela mãe da vítima, contendo imagens dos abusos. A vítima entrou com um pedido de medida protetiva contra o pai, no entanto, esse ainda não foi concedido pela justiça.

 

Mais casos

 

Nos últimos três anos, a polícia de Poços de Caldas vem esclarecendo vários crimes de estupro. Somente em 2020, três casos. Em outubro, um homem de 36 anos foi preso, acusado de estuprar a enteada de 14 anos. Tais abusos eram registrados desde que a vítima tinha seis anos.

 

Em julho, um homem de 54 anos foi preso por estuprar uma menina de 10 anos. No mês anterior, um homem foi autuado por estuprar uma menina de quatro anos, que era filho de sua noiva.

 

Em 2018, um homem de 41 anos, que tem um filho de oito anos e uma esposa grávida, confessou o crime de estupro contra sete vítimas, todas entre sete e oito anos.

 

 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade