Publicidade

Estado de Minas COM NOVAS REGRAS

Após 11 dias, Pouso Alegre flexibiliza reabertura do comércio não essencial

Flexibilização ocorre após queda nos registros semanais de COVID e ocupação de UTI baixar de 96% para 86%


26/01/2021 17:10 - atualizado 26/01/2021 17:51

Centro já tinha movimento minutos após decreto ser publicado(foto: Magson Gomes/Terra do Mandu)
Centro já tinha movimento minutos após decreto ser publicado (foto: Magson Gomes/Terra do Mandu)

A prefeitura de Pouso Alegre decidiu flexibilizar a reabertura das atividades não essenciais no município, fechadas no último dia 15. Um novo decreto, assinado pelo prefeito Rafael Simões (DEM), nesta terça-feira (26/01), autorizou o funcionamento de lojas de rua, academias, salões de beleza e centros de estética.

 

A prefeitura justifica no Decreto nº 5.241 que a flexibilização é possível “após redução do número de casos de COVID-19 registrados na cidade em comparação à semana anterior”.

 

Segundo informações da secretária municipal de Saúde, Sílvia Regina Pereira, e do diretor técnico do Hospital das Clínicas Samuel Libânio, Alexandre Hueb, a reabertura também tem a ver com o cenário na ocupação de leitos de UTI no HCSL. A ocupação baixou de 96,66% para 86,66%. Agora, são quatro vagas disponíveis. No sábado, era apenas uma.

 

“Neste fim de semana, nós tínhamos um leito de UTI para os pacientes críticos. Com o novo balanço, nós temos quatro leitos disponíveis para pacientes de COVID. Isso faz com que possamos sair da faixa vermelho e entrar na faixa laranja, que é mais flexível”, afirmou o diretor do hospital, sugerindo a flexibilização de atividades.

 

“É um momento de reabertura com consciência. Extremamente importante o compromisso de todos. Os números de contaminações ainda são altos. Vamos tratar dessa situação com muita seriedade”, finaliza a secretária.

 

A decisão foi tomada após reunião entre prefeitura, vereadores, representantes da ACIPA e do Hospital Samuel Libânio. Na semana passada, comerciantes chegaram a fazer protesto contra o fechamento das atividades não essenciais.

 

Regras para reabertura

 

A retomada dessas atividades deve seguir algumas regras, além daquelas já exigidas desde o início da pandemia, como filas para evitar aglomerações, uso obrigatório de máscara e álcool em gel. Agora, o comércio varejista deve funcionar até às 16h. Academia até às 20h, sem aulas de contato. Salões e clínicas de estética devem atender apenas por agendamento.

 

Lojas atendiam de portas fechadas e reabriram imediatamente após o novo decreto(foto: Magson Gomes/Terra do Mandu)
Lojas atendiam de portas fechadas e reabriram imediatamente após o novo decreto (foto: Magson Gomes/Terra do Mandu)
Restaurantes, bares e estabelecimentos congêneres apenas poderão funcionar em sistema de entregas ou retirada no balcão, sem que haja consumo no local. Clubes devem se restringir à utilização de academias internas. Uso de piscinas, quiosques, salões saunas, parquinhos são proibidos.

 

Velórios deverão adotar medidas a fim de evitar aglomerações. Templos religiosos deverão adotar providências para atender às medidas deste decreto.

 

 

Pouso Alegre registra quatro mortes no fim de semana

 

Pouso Alegre registrou mais quatro mortes por COVID-19 durante no ultimo fim de semana, totalizando 91 mortes. De acordo com boletim divulgado pela prefeitura nesta segunda-feira (25/01), são 5.460 casos confirmados da doença no município.

 

Serviços suspensos e isolamento de grupos de risco

 

As festas e eventos públicos e privados de qualquer natureza permanecem proibidos na cidade. Assim como exposições, congressos, feiras, cinemas, boates, salões de festas, parques de diversão, áreas de recreação, teatros e casas de espetáculos, campos de futebol e quadras poliesportivas.

 

Além disso, fica determinado o isolamento social dos seguintes indivíduos: maiores de 60 anos, gestantes e lactantes de até 6 meses e portadores de doenças respiratórias crônicas.

 

A gratuidade das tarifas de transporte público coletivo aos usuários com mais de 60 anos fica restrita ao período das 9h às 16h.

 

Volta das aulas presenciais em fevereiro

 

A Prefeitura de Pouso Alegre também informou no decreto que as atividades presenciais nas escolas públicas e privadas poderão ser retomadas a partir de fevereiro de 2021. Requisitos que devem ser seguidos: distanciamento mínimo de 1,5m entre carteiras, existência de protocolo sanitário aprovado pela Vigilância Sanitária, manutenção de ensino remoto em caráter complementar ou alternativo. O retorno deve ocorrer gradualmente com adoção de sistema de revezamento para evitar aglomerações.



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade