Publicidade

Estado de Minas CRIME

Preso em flagrante estelionatário que aplicava golpes em concessionárias

Criminoso tem passagens pela polícia por homicídio, falsificação e violência doméstica


11/01/2021 16:14 - atualizado 11/01/2021 17:01

Homem deu R$ 3 mil de entrada para tentar adquirir um carro em uma concessionária(foto: Polícia Civil/Divulgação)
Homem deu R$ 3 mil de entrada para tentar adquirir um carro em uma concessionária (foto: Polícia Civil/Divulgação)

Preso em flagrante, quando tentava dar um golpe contra a concessionária Ford Inova, em Contagem, estelionatário, de 30 anos, que apresentou documentos falsos – usando o nome de Rafael de Freitas Navarro. Com a identificação de seu nome verdadeiro, descobriu-se que ele tem envolvimento em homicídio (seria o autor), mais crimes de falsificação (a maioria no Triângulo Mineiro) e até mesmo de violência doméstica.

Tudo começou na semana passada, quando uma mulher ligou para uma vendedora da loja combinando que seu marido iria à agência para concretizar a compra de um veículo. O homem foi até a loja e apresentou documentos que o apresentavam como produtor rural e ainda a documentação de uma empresa da qual seria proprietário.

Além disso, deu uma entrada de R$ 3 mil, para garantir o negócio, ficando de retornar nesta semana, pois financiaria o restante do valor do veículo – um Ecosport, que custa R$ 95 mil.

“Foi feita toda a análise dos documentos e, inclusive, o suspeito chegou a ter uma cédula de crédito bancário para financiar. Tão certo de que teria êxito na abordagem criminosa, ele adiantou R$ 3 mil”, afirma o delegado Clayton Ricardo da Silva, da 2ª Delegacia de Contagem.

No entanto, os funcionários da concessionária desconfiaram do homem, a começar, pelo fato de ele alegar não ter carteira de motorista, apresentando apenas uma carteira de identidade.

Ainda segundo o delegado, “o suspeito utilizou os documentos, mas não teve proveito total do golpe em função da intervenção da polícia. Levantamos a real identidade dele, que se passava por outra pessoa, e tomamos conhecimento de que é um criminoso contumaz – já tem registros de antecedentes criminais diversos, com condenações por delitos patrimoniais, falsificação documental, violência doméstica e familiar, homicídio, dentre outros.”

Novo terreno

O delegado Clayton diz que sua equipe apurou ainda o envolvimento do investigado em outros registros de ocorrência na região do Triângulo Mineiro.

“Acreditamos que ele tenha trocado sua praça de atuação para a Região Metropolitana recentemente. Foram feitos alguns levantamentos e nós temos notícias de outros expedientes que estão sendo tratados aqui na RMBH, basicamente com os mesmos moldes de atuação: ele se passa por terceiro, faz todo um aparato, cria um artifício para ludibriar as vítimas, no caso revendedoras de automóveis, e poder obter vantagem ilícita.”

Cleyton Silva conta que um pedido de flagrante foi encaminhado à Justiça, que o concedeu: “O histórico e as circunstâncias do risco à ordem pública que se configura nesse momento”.

Ele pontua que, além de evitar o golpe, a Polícia Civil recuperou a quantia dada de entrada: “Nós orientamos que a concessionária separasse esse valor e representamos ao Juízo para que seja depositado judicialmente, porque provavelmente deve ser oriundo de outras ações criminosas”.

As investigações, segundo ele, prosseguem com o intuito de identificar outros envolvidos no esquema. O golpista foi autuado em flagrante por uso de documento falso e tentativa de estelionato, sendo encaminhado ao sistema prisional, onde está à disposição da Justiça.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade