Publicidade

Estado de Minas CIÚMES

Mulher é esfaqueada após briga com casal no Centro de BH

Vítima foi levada para o Hospital João XXIII. Suspeita detida disse que a outra mulher havia se insinuado para o namorado dela


30/11/2020 10:40 - atualizado 30/11/2020 10:55

Crime ocorreu na Rua do Acre, no Centro de Belo Horizonte(foto: Reprodução da internet/Google Maps)
Crime ocorreu na Rua do Acre, no Centro de Belo Horizonte (foto: Reprodução da internet/Google Maps)


Uma mulher de 30 anos deu entrada no Hospital João XXIII após ser esfaqueada na noite desse domingo na Rua do Acre, no Centro de Belo Horizonte. Dois homens e uma mulher com idades entre 20 e 26 anos foram detidos suspeitos do crime, que teria sido motivado por ciúmes. De acordo com a Polícia Militar (PM), todos os envolvidos são pessoas em situação de rua. 

Policiais que patrulhavam a região foram informados que havia uma vítima de tentativa de homicídio caída na Rua 21 de Abril. Chegando ao local, eles encontraram a mulher com três perfurações na região do pescoço. Ainda consciente, ela contou ter sido abordada por três pessoas na Rua do Acre. A mulher deu um tapa no rosto dela, que caiu ao levar uma pancada nas costas e foi esfaqueada pelo homem que a acompanhava. Ela disse que conhece os dois, mas não conseguiu identificar o terceiro envolvido. 

Os policiais começaram um rastreamento e localizaram os suspeitos com as características repassadas pela vítima. A princípio, a mulher abordada negou envolvimento no crime, mas acabou dizendo que conhece a vítima e que brigou com ela por ciúmes. Na versão dela, a mulher esfaqueada havia tirado a roupa e se insinuado para o namorado dela, um dos abordados. Ela confirmou ter brigado com a vítima na noite passada e dado um soco no rosto dela, mas disse não se lembrar de quem deu as facadas. Ela também contou que a faca estava em um fogão improvisado perto do local do crime. O objeto, com 15 centímetros de lâmina, foi apreendido pela PM. 

O namorado dela disse aos policiais que não tinha envolvimento no crime, mas consta na ocorrência que ele apresentava pequenos cortes nos dedos da mão direita. O outro homem que estava no local acabou abordado porque apresentou nervosismo com a presença da PM. Este disse aos policiais, conforme o registro, que participou do crime dando um rasteira na vítima e que o primeiro homem havia dado as facadas ela. As fotos dos suspeitos foram levadas à vítima no hospital e ela os reconheceu. O trio foi levado para uma delegacia de Polícia Civil. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade