Publicidade

Estado de Minas QUATRO DIAS DEPOIS

Promoção 'pega ladrão': suspeito de assaltar bar é preso pela polícia

Estabelecimento prometia pagar 20 litros de chope para quem encontrasse o criminoso. De acordo com a PM, ele tem mais de 20 'passagens' por outros crimes


26/11/2020 15:31 - atualizado 26/11/2020 16:00

O bar resolveu publicar imagem do rapaz e oferecer chope de graça para quem 'capturá-lo'(foto: Reprodução/Redes Sociais)
O bar resolveu publicar imagem do rapaz e oferecer chope de graça para quem 'capturá-lo' (foto: Reprodução/Redes Sociais)

O rapaz suspeito de assaltar o bar autor da promoção “pega ladrão” foi preso nesta quinta-feira (26) pela Polícia Militar depois de tentar assaltar uma loja de chocolates na Rua Guaicuí, Bairro Cidade Jardim, na Região Centro-Sul de Belo Horizonte.

O homem ficou famoso depois que o boteco localizado na Avenida do Contorno,  na Savassi, resolveu fazer uma promoção inusitada. Depois de ter sido assaltada, no último domingo (22), a empresa decidiu oferecer 20 litros de chope para quem encontrasse o ladrão.



A prisão do homem de 21 anos foi feita quatro dias depois. De acordo com a PM, ele teria saído da prisão no último dia 17 e tem mais de 20 ocorrências policiais por envolvimento em crimes diversos como arrombamentos, furtos, roubos, danos, tráfico de drogas e violação de domicílio.

Os policiais que o prenderam contam que o suspeito assumiu a autoria do crime do último domingo, que ganhou repercussão nacional depois que a “Growleria Chopp no Litro” resolveu publicar as imagens da câmera de segurança que mostram o homem entrando no estabelecimento e levando os pertences.

Ele foi encaminhado para a Delegacia de Plantão do Barreiro, onde a ocorrência foi encerrada. Os militares disseram que não vão correr atrás do prêmio, já que não fizeram mais do que seu trabalho.

A promoção

De acordo com o boletim de ocorrência (B.O.) registrado junto à Polícia Militar (PM), o homem roubou R$ 340 e um tablet do bar. Indignado com o crime, a “Growleria Chopp no Litro” publicou o anúncio da promoção.

“Caso saiba do paradeiro do mesmo, chame a polícia. Faça um vídeo ou tire fotos do momento da captura e ganhe o chope”, diz o texto publicado nas redes sociais. E continua: “Atenção!!! Não se aproxime do indivíduo, se trata de um bandido e pode ser perigoso. Acione a polícia e deixe que eles façam a abordagem.”

A empresa ainda promete “sigilo absoluto” e sugere que, caso o cliente capture o suspeito, mostre o vídeo para um atendente ou envie pelas redes sociais. “Seu chope está te aguardando super herói!!! Vamos hospedar esse indivíduo na pousada sol quadrado”, finaliza o anúncio.

A ação, no entanto, não repercutiu de forma positiva nas redes sociais. Muitos comentaram, pelo Instagram, que deixariam de seguir a marca por incitar a violência e expor o suspeito.

“Que b* essa 'promoção'”, escreveu um dos usuários, Flávio Sperling. Outra seguidora, Marina Righi, pede que a situação seja resolvida com a polícia. “Que falta de noção, cara! Que postura merda! Se foi furtado, resolve com a polícia e deixa a Justiça cuidar do resto. Isso é ABSURDO!”.

Depois da repercussão negativa, a empresa divulgou uma nota “destinada aos clientes que realmente conhecem e frequentam as lojas” convidando-os para “tomar um chope”. A empresa afirmou que “as lojas são um ambiente frequentado por todos, só não são bem-vindos pessoas ruins, de energia negativa, ou que não aceitem a diversidade escolhas pessoas dos outros clientes e frequentadores do bar”.

Uma hora após essa publicação a empresa recebeu diversas manifestações de apoio. “Longa vida à growleria”, respondeu um usuário da rede social, Otavio Gomes.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade