Publicidade

Estado de Minas Atendimento

Prefeitura de Uberlândia desativa 42 leitos de UTI de COVID-19

Município informou que a decisão se deu pela baixa na ocupação de leitos do tipo exclusivos para a doença


17/11/2020 11:50 - atualizado 17/11/2020 12:06

Unidade foi criada para atendimento exclusivo de COVID-19(foto: Valter de Paula/Secretaria de Governo e Comunicação.)
Unidade foi criada para atendimento exclusivo de COVID-19 (foto: Valter de Paula/Secretaria de Governo e Comunicação.)
A Prefeitura de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, informou a desativação de 42 leitos de UTI específicos para pacientes de COVID-19 em duas unidades do município. Nesta segunda-feira (16), segundo boletim, a ocupação dos leitos de UTI para pacientes com coronavírus era de 53%. Uberlândia é a segunda cidade com maior número de casos de COVID-19 em Minas Gerais.

Do total de leitos desativados, 10 estão no Hospital Municipal e 32 estão no anexo da unidade, no Centro da cidade. O anexo foi montado no antigo Hospital Santa Catarina, que passa por municipalização, e tem o objetivo de atender exclusivamente pacientes que contraíram o novo coronavírus.
O município informou que a decisão se deu pela baixa na ocupação de leitos de UTI exclusivos para casos de COVID-19. “Esses leitos serão ativados imediatamente caso haja aumento de demanda”, diz o comunicado da Prefeitura. No mês de novembro a ocupação de UTIs voltadas para caso graves decorrente da pandemia variou entre 33% e 60%.

“Lembramos que UAIs (Unidades de Atendimento Integrado do Município) possuem 29 leitos de emergência com estrutura semelhante a UTI (respirados, monitores, medicamentos de alta complexidade, equipe médica e enfermagem). No momento, 13 estão vagos”, também esclareceu o comunicado.

Até agora, Uberlândia tem 696 mortes confirmadas por COVID-19, sendo duas divulgadas nesta segunda. O município ainda registra 36,8 mil casos da doença desde o início da pandemia e, no Estado de Minas Gerais, só perde para Belo Horizonte, que tem mais de 51,1 mil casos. A ocupação geral de UTIs, incluindo outras doenças, é de 81%.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade