Publicidade

Estado de Minas SANSÃO

Pitbull Sansão, que teve as patas decepadas, é internado novamente

O animal foi diagnosticado com a doença do carrapato e precisou ser internado na quinta-feira. Neste sábado, o cão voltou para casa


17/10/2020 20:47 - atualizado 17/10/2020 21:27

(foto: Hospital Veterinário Arnaldo/ Divulgação)
(foto: Hospital Veterinário Arnaldo/ Divulgação)
Sansão, o cachorro da raça pitbull que teve suas patas traseiras arrancadas por agressores com o uso de um facão, precisou ser internado nesta semana na capital mineira com sintomas de desidratação. Mas, após dois dias na clínica veterinária, o animal foi liberado nesta tarde.


"Sansão foi atendido na quinta-feira com histórico de prostração e falta de apetite, estava levemente desidratado e mucosas mais pálidas. Internamos por segurança para hidrata-lo e para realizar exames de sangue gerais para detectar o que estava acontecendo", informou o  tutor na página do instagram do animal (@todospor.sansao).

A equipe descobriu que ele apresentava anemia e a principal suspeita era causada pela doença do carrapato.

"Realizamos exames específicos para essa doença e entramos com o tratamento na quinta-feira mesmo, na sexta (16), ele já estava bem melhor. Ele respondeu muito rápido ao tratamento: voltou a se alimentar, a ficar mais ativo, brincar", acrescentou o post.

Neste sábado, veterinários liberaram o Sansão da internação para terminar o tratamento em casa.



O crime


Em 6 de julho, o cão teve as patas traseiras arrancadas por agressores com o uso de um facão. Foi registrado boletim de ocorrência na Polícia Militar de Minas Gerais, segundo relatos do tutor. O caso ocorreu dentro de uma propriedade privada, na MG-424, e foi encaminhado à Justiça.

Na época, o caso de Sansão repercutiu nas redes sociais, após postagem do tutor em seu perfil no Instagram relatando o ocorrido, e mostrando o estado em que encontrou seu cão. 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade