Publicidade

Estado de Minas CRIME

Caminhão roubado no Sul de Minas é recuperado a 100 quilômetros

Ao pedir socorro pela internet, caminhoneiro foi alvo de golpistas, que pediram dinheiro em troca do veículo e da carga; polícia acompanhou as negociações e concluiu que se tratava de golpe. Caminhão foi recuperado a partir de informações de terceiros


13/10/2020 18:52 - atualizado 13/10/2020 19:55

(foto: Polícia Rodoviária Estadual (PRE))
(foto: Polícia Rodoviária Estadual (PRE))

O roubo de um caminhão, placa de Cristais, na manhã desta terça-feira (13), em Boa Esperança, no Sul de Minas, que envolveu tentativas de chantagem, foi esclarecido no final da tarde, com a recuperação do veículo e sua carga, em Alpinópolis, a 100km de distância.

O roubo aconteceu em um posto de gasolina, parada de caminhoneiros, conhecida como Usina, quando ladrões aproveitaram a distração do caminhoneiro, Lucas Junio dos Santos, e levaram o caminhão, um Mercedes Benz 1513.

Desesperado, o caminhoneiro informou o roubo via Whatsapp  e internet. Um erro, segundo o Major Douglas, da Polícia Rodoviária Estadual (PRE). “Nesses casos, ele facilitou a ação dos bandidos, que podem, com isso, sabendo o telefone de contato, fazer chantagem, dizendo que estão com o veículo, e que querem dinheiro para devolvê-lo, o que nem sempre é verdade.”

As palavras do policial foram confirmadas minutos depois. Lucas recebeu o chamado de um homem, que dizia estar com seu caminhão e que queria dinheiro em troca. O caminhoneiro disse que pagaria e orientado por policiais, perguntou como seria a transação.

Ele teria proposto se encontrar com os bandidos no banco em que tinha conta. Do outro lado da linha, o homem respondeu que ele deveria retirar o dinheiro e que depois disso seria informado onde deveriam se encontrar. E também onde o caminhão seria encontrado.

Orientado, para ter a certeza de que seria seu caminhão, Lucas pediu se o homem poderia pegar os documentos no porta-luvas e confirmar o chassis, ou então falar qual era a carga. Isso fez com que o chantagista desligasse,

Pouco depois começaram a chegar informações sobre o veículo roubado. Primeiro, ele foi visto em Varginha. Pouco tempo depois, aconteceu o cerco que possibilitou a apreensão do caminhão e prisão do ladrão.

“Nesses casos, é fundamental que a vítima não publique seu telefone. Deve, sempre, informar ao 190, para não correr o risco de cair em golpes de chantagistas, além de ter tido seu bem roubado”, diz o major Douglas.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade