Publicidade

Estado de Minas INTERIOR

Projeto vai acelerar flagrantes policiais em Curvelo e mais 16 cidades

Plantão Digital permite realizar autos de prisão por meio de videoconferência, dando celeridade ao procedimento e reduzindo custos


22/09/2020 18:49 - atualizado 22/09/2020 18:53

Plantão Digital foi lançado em janeiro em Belo Horizonte e chegou nesta semana às delegacias regionais de Curvelo e Pirapora(foto: PCMG/Divulgação)
Plantão Digital foi lançado em janeiro em Belo Horizonte e chegou nesta semana às delegacias regionais de Curvelo e Pirapora (foto: PCMG/Divulgação)
As Delegacias Regionais de Polícia Civil em Curvelo e Pirapora, pertencentes ao 14º Departamento de Polícia Civil em Curvelo, passaram a integrar nesta terça-feira (22) o projeto Plantão Digital

A plataforma, lançada em janeiro em Belo Horizonte, possibilita a realização de autos de prisão em flagrante por meio de uma sala virtual, evitando o deslocamento físico de pessoas entre as unidades. Além das três cidades, outras seis estão integradas ao sistema.

O chefe do 14º Departamento, delegado-geral André Pelli, destacou a importância da implementação do projeto para as regionais. “É um momento muito importante para o 14º Departamento a implementação do Plantão Digital por videoconferência nas regionais de Curvelo e Pirapora. Esperamos, com ele, um ganho importante na investigação policial, na qualidade dos trabalhos dos nossos policiais e na prestação de serviços”, ressaltou.

O delegado regional de Pirapora, Diego Casemiro da Silva, espera que o Plantão Digital possa trazer benefícios para sociedade. “Ele vai possibilitar uma melhor gestão dos recursos de forma que a PCMG possa prestar um melhor serviço e atendimento para a população”, comentou.

Já o delegado regional de Curvelo, Alexandre Viana Correa, espera mais agilidade no atendimento. “Ele [o projeto Plantão Digital] irá beneficiar não só atendimento das ocorrências, que será mais célere, como também vai otimizar os recursos da PCMG. Vamos atender 17 municípios ao todo nesse Plantão Digital. Esperamos que essa ferramenta possa ser difundida para que a PCMG possa otimizar os seus recursos e para otimizar as investigações policiais, que são o nosso principal objetivo”.

Para o lançamento do projeto estiveram presentes o chefe adjunto da Polícia Civil, delegado-geral Joaquim Francisco Neto e Silva, e a Superintendente de Investigação e Polícia Judiciária (SIPJ), delegada-geral Ana Cláudia Oliveira Perry. Os conselheiros da Polícia Civil conversaram com as equipes locais, tiraram dúvidas sobre o projeto, bem como receberam sugestões. 

Desde a inauguração em Belo Horizonte e Nova Lima, o projeto piloto foi regulamentado pela Resolução nº 8.133, assinada pelo chefe da Polícia Civil, Wagner Pinto de Souza, que instituiu, em caráter experimental, o Planta%u0303o Digital, por videoconfere%u0302ncia, na Delegacia Regional de Poli%u0301cia Civil em Nova Lima e na Deplan III do Barreiro/Belo Horizonte.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade