Publicidade

Estado de Minas PERIGO

Bombeiros alertam para incêndios causados por despachos religiosos em mata

Incêndio provocado nesta quinta-feira consumiu cinco hectares. Corpo de Bombeiros ressalta que, mesmo após cultos religiosas, o fogo deve ser apagado


27/08/2020 18:09 - atualizado 27/08/2020 18:32

(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
O Corpo de Bombeiros foi acionado para combater um incêndio que atingiu cinco hectares de vegetação em Uberaba, no Triângulo Mineiro, na tarde desta quinta-feira. Indícios apontam que o incidente foi provocado por um grupo religioso.

De acordo com a corporação, o fogo estava próximo ao residencial Monte Castelo. Entretanto, quando a equipe chegou ao local, o incêndio já havia sido extinto, provavelmente, por trilheiros.

Há algumas semanas, de acordo com os bombeiros que atendem na região, uma equipe encontrou 16 despachos religiosos junto à vegetação seca na mesma área.

 

Vale ressaltar que a lei brasileira garante que o culto religioso é livre para todos os brasileiros. Porém, o Corpo de Bombeiros ressalta que, mesmo após cultos religiosas, o fogo deve ser apagado. "Toda fonte de calor perto de vegetação seca é uma ignição para causar incêndios. Então, em qualquer situação, deve ser apagado. Se não for possível apagar por motivos religiosos, a pessoa deve ficar alí velando - olhando para a vela - até que o fogo se apague natualmente. O que não pode acontecer é abandonar uma vela acesa próxima à vegetação. E tudo indica que foi isso que aconteceu", disse o tenente-coronel Anderson Passos, que comanda o 8º Batalhão do Corpo Militar de Bombeiros sediado em Uberada.

A pena por queimar vegetação – com ou sem intenção – é de 2 a 4 anos de prisão e multa que pode variar dependendo do tamanho da área atingida. 


Fogo em Uberaba

Segundo o oitavo batalhão de Bombeiros Militar de Uberaba, nas ultimas 24 horas, seis incêndios florestais registrados pela central 193. Este ano, entre janeiro e agosto, foram 689 chamadas. Em 2019, de janeiro a dezembro, foram 786.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade