Publicidade

Estado de Minas PANDEMIA

No Dia do Pão de Queijo, profissionais da saúde recebem homenagem; aprenda a fazer a iguaria

Trabalhadores de hospitais de BH e Barbacena vão receber 1.850 pães de queijo produzidos por alunos de gastronomia em reconhecimento à atuação na linha de frente contra a COVID-19


17/08/2020 18:33 - atualizado 17/08/2020 19:14

Quase 2 mil unidades: profissionais da saúde recebem homenagem no Dia do Pão de Queijo(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Quase 2 mil unidades: profissionais da saúde recebem homenagem no Dia do Pão de Queijo (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Em momento de pandemia do novo coronavírus, a celebração do Dia do Pão de Queijo, nesta segunda-feira, 17, foi escolhida como uma forma de homenagear os profissionais da saúde. Alunos e professores da Faculdade Senac de Gastronomia produziram 1.850 pães de queijo para serem distribuídos aos trabalhadores do hospitais Eduardo de Menezes, em Belo Horizonte, e Santa Casa e João Penido, em Barbacena, Região Central de Minas.

Todos os anos, alunos e professores pensam em alguma ação para celebrar a data da iguaria, que tem origem em Minas e conquistou o Brasil. Agora, no contexto de uma pandemia da COVID-19, eles acreditam que a melhor maneira de comemorar seria homenageando os profissionais da saúde que atuam na linha de frente de combate ao vírus. 
 
Alunos e professores da Faculdade Senac de Gastronomia preparam os pães de queijo para distribuir nos hospitais(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Alunos e professores da Faculdade Senac de Gastronomia preparam os pães de queijo para distribuir nos hospitais (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)

 
“Há alguns anos, desenvolvemos essa atividade, mesclando teoria e prática. A produção tem um destino social. É uma forma de valorizar essa tradição mineira com os estudantes e envolver a comunidade. Este ano, optamos por fazer uma homenagem aos profissionais de saúde. Afinal, para o mineiro, um pão de queijo quentinho é sinônimo de afeto”, explicou a coordenadora de extensão universitária da Faculdade de BH, Cristiana Gomes.
 
1.850 pães de queijo vão ser distribuídos nos hospitais Eduardo de Menezes (BH), Santa Casa e João Penido, em Barbacena(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
1.850 pães de queijo vão ser distribuídos nos hospitais Eduardo de Menezes (BH), Santa Casa e João Penido, em Barbacena (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
De acordo com o coordenador de gastronomia da Faculdade Senac, tudo está sendo feito de maneira consciente para evitar o contágio do novo coronavírus. “Nesse ano de pandemia, tivemos que pensar em uma forma diferente e propor ideias para a ação de acordo com o cenário. Na organização, precisamos fazer isso em mais dias porque mobilizamos menos pessoas por dia. Respeitamos o distanciamento, higienização de mãos, equipamentos completos como uso de luvas e máscaras para fazer um processo mais eficiente para a segurança alimentar”, disse.
 
Enquanto isso, os alunos participam de um workshop a distância para acompanhar todo o processo de produção dos pães de queijo.
 

A receita 

 
Aprenda a fazer um pão de queijo delicioso em sua casa para celebrar a data. A receita é dos professores do curso de gastronomia da Faculdade Senac:
 

Ingredientes  

  • 1kg de polvilho azedo
  • 6 ovos médios (caso estejam pequenos, aumente um)
  • 250ml de leite integral
  • 250ml de óleo de girassol
  • 15g de sal (1 colher de sopa rasa)
  • 450g de queijo meia cura

Modo de preparo

Ferva o leite, o óleo e o sal. Em um bowl, adicione o polvilho e escalde com os líquidos fervidos.
 
*A técnica de escaldar é fundamental para o resultado final do pão de queijo. Consiste em adicionar os líquidos fervidos no polvilho aos poucos e mexer até envolver tudo.*
 
Depois do polvilho escaldado, destrua os grumos formados com uma colher ou com as mãos. É necessário desmanchá-los.
 
Logo após esse processo, adicione os ovos e mexa com as mãos envolvendo tudo. Acrescente o queijo meia cura em duas partes, adicione a primeira e mexa com um pouco mais de intensidade, envolvendo-o em toda a mistura. A segunda parte é somente para envolver. Ela que garantirá aqueles pontinhos que amamos!
 
*Estagiária sob supervisão da editora-assistente Vera Schmitz   


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade