Publicidade

Estado de Minas CRIAÇÃO IRREGULAR

Animais silvestres e exóticos são apreendidos no Bairro Goiânia, em BH

Cativeiro foi descoberto após trabalho do setor de inteligência da Polícia Militar; os sete animais foram apreendidos pela Polícia Ambiental


20/07/2020 15:36 - atualizado 20/07/2020 16:24

Polícia Militar estourou cativeiro de animais silvestres e exóticos em BH e aplicou multa de R$ 11 mil no criador(foto: Divulgação/Polícia Militar)
Polícia Militar estourou cativeiro de animais silvestres e exóticos em BH e aplicou multa de R$ 11 mil no criador (foto: Divulgação/Polícia Militar)
Sete animais silvestres e exóticos foram resgatados nesta segunda-feira (20), pela Polícia Ambiental da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG), numa casa do Bairro Goiânia. No local foram encontradas duas tartarugas Tigre-D’Água-Brasileiro, dois ouriços africanos, um lagarto Gecko-Leopardo, uma cobra do milho e um lagarto Pagona, nome científico do dragão-barbudo.
 
A apreensão aconteceu depois de trabalho do setor de inteligência da Polícia Militar, que investiga a criação irregular de animais silvestres e exóticos. Para que a criação seja legalizada é necessário que o responsável obtenha uma licença ambiental específica.

Em Brasília, um jovem que criava uma serpente naja foi picado e chegou a ficar internado na UTI de um hospital. O estudante Pedro Henrique Krambeck não tinha autorização e pagou multa de R$ 61 mil ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA)
 
A partir desse trabalho, os militares descobriram o endereço da casa onde os animais eram mantidos em cativeiro. Diante disso, foi obtida uma ordem judicial para busca e apreensão, realizada nesta segunda.
 
Os animais vão ser encaminhados para o zoológico de Belo Horizonte(foto: Divulgação/Polícia Militar)
Os animais vão ser encaminhados para o zoológico de Belo Horizonte (foto: Divulgação/Polícia Militar)
Na casa, o morador/criador assumiu a propriedade dos animais e declarou não possuir os registros exigidos pelo IBAMA, para manejo das espécies exóticas.
 
Diante do fato, os animais foram recolhidos e serão encaminhados para o zoológico de Belo Horizonte. Foram aplicadas multas que totalizam R$ 11.134,80. 

O flagrante foi feito pela VP 22.041, comandada pelo eenente Marcelo.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade