Publicidade

Estado de Minas AMPLIAÇÃO

Betim recebe mais 30 leitos de UTI para tratamento de pacientes com COVID-19

Cidade já apresenta 42 óbitos e 930 casos confirmados; centro que atende pacientes com COVID-19 tem capacidade ainda para mais 60 novas unidades


postado em 07/07/2020 14:26 / atualizado em 07/07/2020 15:23

Governador foi a Betim entregar 30 novos leitos de UTI(foto: Agência Minas)
Governador foi a Betim entregar 30 novos leitos de UTI (foto: Agência Minas)


Com o registro de 930 casos confirmados e 42 mortes, segundo o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde - SES, divulgado nesta terça-feira (7), ( e 1354 casos confirmados segundo a secretaria de saúde local, o município de Betim recebeu nesta terça-feira a entrega de 30 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para  tratamento do coronavírus. 
 
Eles foram instalados no Centro de Cuidados Intensivos para COVID-19 (Cecovid Betim 4). Outros 60 estão em processo de credenciamento junto ao SUS, podendo totalizar  140 na unidade de atendimento. A ação foi uma parceria entre o governo do estado e a prefeitura, que dividram o custeio das unidades e envio de equipamentos.


No sábado (4/7), foi publicada a deliberação da Comissão Intergestores Bipartite do Sistema Único de Saúde do Estado de Minas Gerais - CIB-SUS-MG prorrogando o prazo do edital para o credenciamento excepcional de leitos de UTI adulto e pediátrico classificados para COVID-19, possibilitando a contratação de novos prestadores, e aumentando o valor do custeio pelo governo, que passou de R$ 800 para R$ 1,6 mil o valor unitário da diária do leito de UTI. O estado equipara seu custeio ao valor previsto na tabela do Ministério da Saúde.
 
O governado Romeu Zema (Novo) disse que, desde o início da pandemia em Minas, "o meu governo, junto com várias prefeituras, tem trabalhado no sentido de fortalecer o sistema de saúde do estado. E o que estamos vendo aqui hoje é exatamente mais um passo nesse sentido, nos preparando para que não falte atendimento a nenhum mineiro. Até o momento, os óbitos que tivemos em Minas foram devido ao paciente não resistir ao vírus, e não pela falta de atendimento”, afirmou o governador.
 

MAIS LEITOS EM MINAS 

 
Em discurso,  Zema destacou o crescimento de 56% do número de leitos em Minas. "Em fevereiro, eram 2.072 leitos, agora o estado conta com 3.351 Unidades de Terapia Intensiva." E falou sobre  compra e manutenção de respiradores e demais investimentos em equipamentos e hospitais.
 
“Neste intervalo de pouco mais de 100 dias (do início da pandemia até hoje) criamos mais de 10 UTIs por dia. Trabalhamos todo o tempo para que o pico da doença fosse postergado. Várias medidas foram tomadas para que consigamos passar com segurança este pico que ocorre exatamente neste mês de julho”, finalizou o governador, lembrando a importância das medidas de distanciamento social e de higiene.
 
O Cecovid-Betim 4 foi aberto no prédio do Centro Materno-infantil (CMI), anexo ao Hospital Regional (HPRB), em 14 de abril, para atender casos mais graves com suspeita de COVID-19. Inicialmente, foram implantados 50 leitos de CTI. A unidade hospitalar tem 7.886 m² de área construída, distribuída em sete andares e dispõe de um heliponto já aprovado pela Anac. 
 
De acordo com a secretaria de saúde de Betim, o último óbito pelo COVID-19  confirmado no município foi no dia 2 de julho. Um paciente de 76 anos com morbidade.
 
Os números da Secretaria Muncipal de Saúde de Betim, do últmo boletim divulgado na manhã de hoje são :
Notificados de Síndrome Gripal: 12.832
Descartados: 5.120
Confirmados: 1.354
 Recuperados: 888
Em acompanhamento: 406
Internados no SUS residentes em Betim: 18
Óbitos: 42
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade