Publicidade

Estado de Minas CORONAVÍRUS

Novo decreto da Prefeitura de BH aumenta intervalo de ônibus e reduz circulação

Medida anula texto que vigorava anteriormente, desde 25 de maio


postado em 07/07/2020 08:36 / atualizado em 07/07/2020 08:49

Ônibus em BH voltam a cenário semelhante ao do início da pandemia(foto: Juarez Rodrigues/EM/D. A. Press)
Ônibus em BH voltam a cenário semelhante ao do início da pandemia (foto: Juarez Rodrigues/EM/D. A. Press)
A Prefeitura de Belo Horizonte publicou nesta terça-feira um novo decreto que altera o horário de circulação dos ônibus municipais. O novo texto anula o que vigorava anteriormente, desde 25 de maio, quando a atividade comercial começou a ser retomada na cidade.

Agora, em dias úteis, os ônibus de BH podem partir das garagens somente das 5h até às 21h59, com intervalo de espera de até uma hora. No texto que vigorava anteriormente, o intervalo era de até 30 minutos em horários de pico e de até 40 minutos em outros horários, além da circulação de 4h até 23h59.

Já em domingos e feriados, os ônibus devem circular somente de 6h às 9h59 e de 16h às 19h59. A medida anterior previa o funcionamento de 5h às 21h59, horário agora praticado nos dias úteis.
 
A medida foi adotada com o novo fechamento do comércio, aderido em 29 de junho. Desde essa data, BH recuou na flexibilização dos serviços, e somente as atividades consideradas essenciais podem funcionar. O uso de máscaras, limpeza periódica dos veículos e recomendações sobre quantidade de passageiros que não estejam assentados nos coletivos (dez em convencionais; 20 nos articulados; e cinco para miniônibus suplementares) são as mesmas do decreto de maio.

A prefeitura informa no decreto, publicado na edição desta terça do Diário Oficial do Município (DOM), que a medida visa à prevenção da população em meio à pandemia do novo coronavírus. A medida é semelhante à adotada em 20 de março, no início do período de isolamento social devido à COVID-19, que também reduziu circulação de ônibus e funcionamento do comércio.

Segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), divulgados nessa segunda-feira, BH é o epicentro da pandemia no território mineiro. A capital tem 7.904 casos confirmados e 176 mortes pelo novo coronavírus.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade