Publicidade

Estado de Minas CORPO DE BOMBEIROS DE MINAS

Dia do Bombeiro: ato simbólico homenageia vítimas de coronavírus

Militares que se destacaram também foram homenageados e receberam medalhas


postado em 02/07/2020 18:37 / atualizado em 02/07/2020 19:07

Uma coroa de flores foi utilizada para simbolizar gratidão aos bombeiros(foto: Luidgi Carvalho)
Uma coroa de flores foi utilizada para simbolizar gratidão aos bombeiros (foto: Luidgi Carvalho)
Para  marcar o Dia do Bombeiro, celebrado em 2 de julho, diante da atual pandemia, a corporação de Minas Gerais precisou adaptar a comemoração. Um ato simbólico foi realizado nesta quinta-feira (2), sem público, no prédio histórico do 1º Batalhão de Bombeiros Militar (1ºBBM). A homenagem se estendeu a todos os mineiros que morreram por COVID-19 nos últimos meses.

O ato durou pouco mais de 20 minutos, e militares que se destacaram pelo empenho e comprometimento foram homenageados e receberam medalhas. Uma coroa de flores simbolizou a gratidão a todos os bombeiros que se empenham na profissão. 

Pessoas que contribuíram para o engrandecimento da CBMMG também foram homenageadas. O presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Agostinho Patrus, e o ex-presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais Nelson Missias estiveram presentes, assim como o comandante-geral do CBMMG, coronel Edgard Estevo da Silva; o chefe do Estado-Maior, coronel Erlon Dias do Nascimento Botelho; além de outros militares e homenageados.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o evento faz alusão ao 2 de julho de 1856, quando dom Pedro II assinou o Decreto 1.775 que criava o Corpo de Bombeiros Provisório da Corte. “Um marco no início da mudança da história do serviço de combate a incêndio no Brasil”, divulgou a corporação.
(foto: Luidgi Carvalho)
(foto: Luidgi Carvalho)
 
*Estagiária sob supervisão da editora-assistente Vera Schmitz 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade