Publicidade

Estado de Minas

Polícia investiga furto de 90 armas em delegacia no interior de Minas

Ocorrência registrada em Ferros é apurada pela 3ª Delegacia Regional da Polícia Civil de Itabira


postado em 19/02/2020 10:56 / atualizado em 20/02/2020 09:07

(foto: DeFato Online)
(foto: DeFato Online)

A intensa movimentação de policiais tem chamado atenção no pequeno município de Ferros, cidade com menos de 10 mil habitantes, na região Central de Minas Gerais, distante cerca de 175 quilômetros de Belo Horizonte.

Desde a semana passada, investigadores da Polícia Civil estão atrás de informações que ajudem a elucidar o furto de 90 armas na Delegacia local.

O caso é apurado pela 3ª Delegacia Regional da Polícia Civil, sediada em Itabira, responsável pelo município de Ferros. A ocorrência foi registrada no último dia 11, mas somente nesta semana houve uma manifestação da PC.

De acordo com o delegado titular da regional, Helton Cota, o armamento estava guardado em uma cela da Delegacia de Ferros. Por meio de nota encaminhada à imprensa, o policial ainda afirmou que grande parte das armas era de fabricação caseira, do tipo polveira e cartucheira, “muitas já velhas e ineficientes”. O arsenal era composto por apreensões feitas pelas autoridades de segurança nos últimos meses no município.

A delegacia é localizada na rua do Rosário, na região Central da cidade. A polícia não deu detalhes de como o crime aconteceu, se limitando a informar que a unidade foi invadida.

Ainda segundo nota divulgada pela Polícia Civil, desde que o fato foi constatado, “investigadores trabalham em busca de informações” e mandados de busca e apreensão já foram cumpridos, além de “diligências pertinentes ao caso”.

A PC não informou se já há algum suspeito detido, mas respondeu que outros detalhes seriam repassados posteriormente.

Área extensa


Apesar de ser uma cidade considerada pequena em número de habitantes, Ferros é considerada pelas autoridades em segurança como um local de difícil cobertura por causa da extensa área rural. O município tem 1.088,8 quilômetros quadrados, sendo que apenas 0,4 km² é considerada zona urbana.

As principais ocorrências no município sempre estão relacionadas a porte de armas, na maioria caseiras. A extensa área rural também é usada para esconderijo de criminosos, que usam as comunidades mais distantes e humildes para se esconder dos policiais.

 

(Com informações de Rodrigo Andrade, do DeFato Online)


Publicidade