Publicidade

Estado de Minas

Com medo de novos desabamentos, moradores deixam bairro Jardim Alvorada

O deslizamento de terra após fortes chuvas na capital mineira matou quatro pessoas da mesma família e um vizinho no bairro da região Noroeste.


postado em 25/01/2020 20:38 / atualizado em 25/01/2020 21:14

Ver galeria . 8 Fotos Moradores do bairro Jardim Alvorada apreensivos com fortes chuvas em BH nos últimos dias Túlio Santos/EM
Moradores do bairro Jardim Alvorada apreensivos com fortes chuvas em BH nos últimos dias (foto: Túlio Santos/EM )

Moradores do bairro Jardim Alvorada, na região Noroeste da capital mineira, acompanharam os trabalhos de bombeiros na busca de cinco corpos soterrados após queda de encosta em clima de consternação e com medo de novos deslizamentos de terras.

Ao longo deste sábado (25), dezenas de moradores estavam deixando o local, carregando malas e mochilas com seus pertences, apreensivos com a posibilidade de novas chuvas nos próximos dias. 

“Não temos mais condição de morar aqui, de viver um desespero desse”, dizia Daiane Souza, que mora no bairro há mais de 30 anos e deixou ontem sua casa, a poucos metros de um ponto de desabamento.

“O barranco desabou inteiro. A chuva começou por volta de 20h, pouco tempo depois começou a cair tudo. Eu, meu marido e meus filhos tivemos que sair pela janela, porque quanto abrimos a porta já não tinha mais chão em frente à casa. Desceu tudo de uma só vez. Deu tempo só de pegar a mamadeira da neném, arremessei o meu filho para o outro quarto. Vamos procurar um abrigo por enquanto, não temos onde ficar”, contou Daiane.

Muitos moradores se preocupam com rachaduras e tricas que surgiram em vários muros e paredes de casas após as fortes chuvas dos últimos dias. “Estamos assutados com o alto risco de novos desabamentos. Tive que deixar minha casa e estou morando de favores, porque não quero ser uma das vítimas. Mas a situação é muito complicada e muita gente não tem para onde ir”, disse Cláudia Reis, que mora no Jardim Alvorada há 19 anos.

Vários pontos no bairro Jardim Alvorada estão com trincas e rachaduras em muros e encostas (foto: Túlio Santos/EM )
Vários pontos no bairro Jardim Alvorada estão com trincas e rachaduras em muros e encostas (foto: Túlio Santos/EM )
“Nunca tínhamos tido tantos problemas como neste ano. A situação do bairro ficou completamente caótica”, diz. Vizinho de uma casa em situação de risco, Antônio da Costa, de 64 anos, não consegue dormir a vários dias por causa da preocupação com deslizamentos de terra.

“Estamos vendo a situação desses muros e pedaços de terra se soltarem. Aqui o medo é que se uma casa desabar lá em cima, tudo vem abaixo na mesma hora”, contou Antônio, mostrando as paredes trincadas de uma das casas vizinhas. Ele conta que pouco depois de 20h começaram ouvir seguidos estrondos e muitas pessoas gritando.


Publicidade