Publicidade

Estado de Minas

Moradores protestam contra danos provocados pela chuva e fecham Cristiano Machado, em BH

Os dois sentidos da avenida estão bloqueados na tarde deste sábado (24) e a Polícia Militar tem trabalho para conter a revolta da população


postado em 25/01/2020 15:36 / atualizado em 25/01/2020 16:31

Ver galeria . 8 Fotos Os dois sentidos da avenida estão bloqueados na tarde deste sábado (24) e a Polícia Militar tem trabalho para conter a revolta da populaçãoJuarez Rodrigues/EM/D.A Press
Os dois sentidos da avenida estão bloqueados na tarde deste sábado (24) e a Polícia Militar tem trabalho para conter a revolta da população (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press )

 

Vítimas ano após ano das enchentes que marcam a Avenida Cristiano Machado, na Região Noroeste de Belo Horizonte, moradores de bairros próximos decidiram protestar contra os danos provocados pelo temporal que caiu sexta na capital mineira.


Segundo a Polícia Militar, eles fecham os dois sentidos da Avenida Cristiano Machado, queimam pneus no local e arremessam pedras e pertences pessoais na Cristiano Machado. Um morador chegou a ser detido. 

 

 


Há uma interdição em frente à Escola Estadual Professor Hílton Rocha, no Bairro Vila Suzana, e outra na entrada do Bairro Suzana. Ambos os bloqueios estão nas proximidades da Estação São Gabriel do metrô.


Ali, há o encontro dos córregos Pampulha, Cachoeirinha e Onça, o que historicamente sempre causou inundações em Belo Horizonte. Isso porque a canaleta construída no local não suporta o volume de água recebido em chuvas de grandes proporções como a que caiu ontem em BH.

 

(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
 


Publicidade