Publicidade

Estado de Minas

Polícia cumpre mandado na casa do jornalista Bruno Azevedo

Azevedo ficou desaparecido por quatro dias no ano passado e retornou para casa. Depois, algumas pessoas procuraram a polícia alegando ter sido vítimas de golpe


postado em 23/01/2020 12:50

Bruno Azevedo ficou desaparecido em novembro do ano passado(foto: Reprodução)
Bruno Azevedo ficou desaparecido em novembro do ano passado (foto: Reprodução)


A Polícia Civil cumpriu um mandado de busca e apreensão na casa do jornalista Bruno Azevedo, que ficou desaparecido por quatro dias em novembro do ano passado. 

“Depois de registrar o desaparecimento, a família entrou em contato com a PCMG informando que ele havia retornado e poderia cessar as buscas”, informou a instituição. “Paralelamente, algumas pessoas procuraram a Polícia Civil alegando ter sido vítimas de golpe e o jornalista passou a ser investigado pelo crime de estelionato”, explicou a polícia. 

Os delegados responsáveis pela investigação, do Departamento Estadual de Combate à Corrupção e a Fraudes,  prometem dar mais detalhes da ação ainda na tarde desta quinta. 

Azevedo era repórter e apresentador da rádio Itatiaia. Na época do desaparecimento, a emissora divulgou nota informando que não traria a público “detalhes de cunho particular a respeito do 'suposto desaparecimento voluntário' de Bruno Azevedo.  


Publicidade