Publicidade

Estado de Minas

Governo de Minas cria portal sobre intoxicação por dietilenoglicol

O número de vítimas suspeitas passou para 19, sendo que quatro pessoas morrem em decorrência da síndrome nefroneural


postado em 18/01/2020 10:55 / atualizado em 18/01/2020 14:41

(foto: Leandro Couri/EM/DA PRESS)
(foto: Leandro Couri/EM/DA PRESS)

 

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) criou um portal com informações sobre a intoxicação por dietilenoglicol, composto orgânico encontrado em rótulos de lotes de fabricação da Backer. A criação do canal de informação coincide com a mudança no protocolo de acompanhamento dos casos, que ampliou o tempo observado para identificação de vítimas e alterou a definição,  a síndrome nefroneural passa a ser tratada como intoxicação exógena por dietilenoglicol.

 

portal concentra as notas e comunicados da SES, traz recomendações sobre o consumo de cervejas da Backer, sintomas da doença e orientações de como e quando pode ser aplicado o antídoto.

 

O número de casos suspeitos de intoxicação subiu para 19. Desses, 17 pessoas são do sexo masculino e duas do feminino. Quatro pessoas morreram. A distribuição geográfica dos 19 casos notificados, segundo município de residência, é a seguinte: 12 casos em Belo Horizonte e os demais 7 casos contabilizam registros em Capelinha, Nova Lima, Pompéu, São João Del Rei, São Lourenço, Ubá e Viçosa. 


Publicidade