Publicidade

Estado de Minas

Manutenção em rede de água interdita trânsito na Avenida Cristiano Machado

Parte da pista exclusiva para ônibus está fechada na altura do Minas Shopping, sentido Centro. No início da noite, BHTrans informou que não havia previsão para o término das obras


postado em 22/12/2019 19:28 / atualizado em 22/12/2019 19:54

Funcionários da Copasa trabalham em manutenção emergencial neste domingo(foto: Larissa Kümpel/EM/DA Press)
Funcionários da Copasa trabalham em manutenção emergencial neste domingo (foto: Larissa Kümpel/EM/DA Press)


A manutenção de uma adutora da Copasa levou à interdição de parte da Avenida Cristiano Machado, no Bairro União, Região Nordeste de Belo Horizonte. Por volta das 19h20 deste domingo, ainda não havia previsão para conclusão das obras e liberação do trânsito. Há bairros sem água. 



Quem passou pelo trecho hoje viu operários trabalhando em um buraco na pista na saída do Viaduto Hélio Pellegrino, altura do Minas Shopping, no sentido Centro. 

BHTrans monitora o trânsito na região. Estação de transferência do Move precisou ser desativada(foto: BHTrans/Divulgação)
BHTrans monitora o trânsito na região. Estação de transferência do Move precisou ser desativada (foto: BHTrans/Divulgação)


Segundo a BHTrans, foi necessário interditar a pista exclusiva para ônibus no trecho. Os coletivos foram desviados para uma faixa da pista mista e voltam para a faixa perto da Avenida Bernardo Vasconcelos.  “A estação do Move Minas Shopping não está operando o embarque e desembarque de passageiros no sentido Bairro/Centro por conta do desvio. No sentido Centro/Bairro a pista do MOVE e a estação MOVE Minas Shopping operam normalmente.  A opção aos passageiros é realizar o embarque/desembarque na Estação Ouro Minas”, informou a empresa. Agentes da BHTrans orientam motoristas e usuários do transporte coletivo no local. 

(foto: Larissa Kümpel/EM/DA Press)
(foto: Larissa Kümpel/EM/DA Press)


Por meio de nota, a Copasa informou que foi preciso interromper o abastecimento de água
 nos bairros Cidade Nova, Dom Joaquim, Dom Silvério, Eymard, Fernão Dias, Goiânia, Ipê, Ipiranga, Maria Goretti, Maria Virgínia, Palmares, Penha, Pirajá, São Gabriel, São Marcos, São Paulo e União. A previsão é de que o fornecimento seja normalizado de forma gradativa após a conclusão da obra. 



receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade