Publicidade

Estado de Minas

Menina que caiu de prédio em BH passa por segunda cirurgia em hospital de BH

Polícia Civil vai investigar o caso a partir desta segunda-feira (14), quando o inquérito será aberto pela 3ª Delegacia de Polícia Civil em Venda Nova


postado em 13/10/2019 20:03

(foto: Sidney Lopes/EM/D.A Press)
(foto: Sidney Lopes/EM/D.A Press)

 

A menina de 10 anos que caiu de um prédio localizado na Região Norte de Belo Horizonte, neste domingo (13), passa por uma segunda cirurgia no Hospital de Pronto-Socorro João XXIII. A informação foi confirmada pelo pai dela, em rápido diálogo com a reportagem nas dependências da unidade médica.

 

O homem disse que a filha já havia passado por um procedimento no bloco cirúrgico, mas passava por um segundo por volta das 19h deste domingo. Ele disse que ela se recuperava da queda ocorrida na madrugada. 

 

O caso aconteceu em um prédio localizado na Rua Maria Manoela Braz, no Bairro Heliópolis, zona norte de Belo Horizonte. De acordo com o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), a vítima foi encaminhada inconsciente ao Hospital João XXIII, na capital. Ainda conforme informações do Samu, a garota foi resgatada com múltiplas fraturas e trauma torácico.  

 

Ainda não se sabe o que motivou a queda. Em nota, a Polícia Civil, responsável pela apuração dos fatos, informou que "já realizou os trabalhos iniciais de investigação para a apurar o caso".

 

A perícia esteve no local e o laudo da equipe deve ficar pronto dentro de um período de 30 dias. Cabe prorrogação para mais 30. Contudo, neste primeiro momento, não há qualquer suspeita levantada pela corporação.

 

A Delegacia de Plantão ficará a cargo da investigação, que será realizada por investigadores da 3ª Delegacia de Polícia Civil em Venda Nova, em Belo Horizonte.

 

A corporação informou que divulgará mais detalhes sobre o caso ainda nesta semana, mas não disse como esses dados serão repassados à imprensa.    


Publicidade