Publicidade

Estado de Minas

Incêndio atinge parque onde está localizado o Pico da Bandeira; veja vídeos

Parque Nacional do Caparaó, localizado na divisa dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo, é atingido por uma grande queimada. Causas ainda estão sendo investigadas


postado em 13/09/2019 16:09 / atualizado em 13/09/2019 18:33

Chamas se aproximaram de antenas que estão instaladas no parque(foto: Reprodução/Youtube)
Chamas se aproximaram de antenas que estão instaladas no parque (foto: Reprodução/Youtube)

Os incêndios continuam devastando Minas Gerais. Queimadas se espalham por vários pontos do estado e provocam danos ao meioambiente. Nesta sexta-feira, um dos pontos que sofre com as ocorrências é o Parque Nacional do Caparaó, localizado na divisa dos estados de Minas Gerais e do Espírito Santo. Chamas se espalham rapidamente pela vegetação da área verde, onde está localizado o Pico da Bandeira. Bombeiros, brigadistas e moradores tentam conter o fogo. As causas ainda estão sendo investigadas.



De acordo com o Corpo de Bombeiros, as chamas tiveram início por volta da 14h. O incêndio de grandes proporções se espalha pela vegetação que fica na divisa entre Espírito Santo e Minas Gerais. Equipes de Manhuaçu seguem para o parque para se juntar a, ao menos, 30 pessoas, entre brigadistas e moradores voluntários, que já fazem o combate.

É possível ver as grandes labaredas ainda longe do parque. A fumaça densa, proveniente da queima da vegetação, já toma o céu. As chamas se aproxima de áreas ond estão algumas antenas. Moradores e brigadistas utilizam bombas costais e abafadores para conter o fogo.



Outras ocorrências


O tempo seco e quente tem favorecido para as ocorrências de queimadas em vegetação. Somente na tarde desta sexta-feira, ao menos duas ocorrências estão sendo atendidas pelo Corpo de Bombeiros na Região Metropolitana de Belo Horizonte e na Região Central de Minas. As chamas se espalham pela Serra da Moeda, no distrito de Bela Vista, e também no Bairro Ipê Amarelo, em Esmeraldas. As causas ainda estão sendo investigadas.

Incêndios estão se espalhando por outras unidades de conservação em Minas Gerais. De acordo com o Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema), há focos sendo combatidos em 11 áreas verdes preservadas em todo o estado.


Publicidade