Publicidade

Estado de Minas

Homem morre afogado na Barragem Santa Lúcia

Testemunhas contaram que Gilson Gondim de Castro, de 33 anos, entrou no local e depois desapareceu. Segundo o Corpo de Bombeiros, o homem apresentava atrofia nas pernas


postado em 12/08/2019 15:16

Militares do Corpo de Bombeiros retiraram a vítima já sem vida da barragem(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Militares do Corpo de Bombeiros retiraram a vítima já sem vida da barragem (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Será investigado pela Polícia Civil as causas de um afogamento na manhã desta segunda-feira na Barragem Santa Lúcia, em bairro de mesmo nome localizado na Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Gilson Gondim de Castro, de 33 anos, foi visto nadando nas águas do reservatório, e depois desapareceu. O Corpo de Bombeiros resgatou o homem, que já não apresentava sinais vitais. A vítima apresentava atrofia nas pernas.

De acordo com a Polícia Militar (PM),  uma testemunha contou que avistou Gilson nadando na barragem e chamou sua atenção. Como não foi atendido, foi até funcionários que fazem a manutenção no local e fez um alerta sobre o homem. Quando voltou, não viu mais a vítima, que se afogou.

Câmeras de monitoramento flagraram quando, por volta das 9h25, Gilson está sentado às margens da barragem. Dois minutos depois, ele já estava na água, e, em seguida, desaparece. O Corpo de Bombeiros foi acionado e conseguiu localizar o homem. Ele foi retirado já sem vida da barragem.

Segundo a PM, uma testemunha afirmou que o homem sofria de depressão. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade