Publicidade

Estado de Minas

Polícia registra cinco assassinatos durante a madrugada na Grande BH

Crimes ocorreram em Belo Horizonte, Betim, Mateus Leme e São José da Lapa. Pelo menos três das vítimas foram baleadas dentro de casa


postado em 26/07/2019 09:09 / atualizado em 26/07/2019 09:28

Em Mateus Leme, esposa da vítima disse que assassinos se passaram por policiais para entrar na casa e matar homem que estava no quarto(foto: Reprodução da internet/Google Maps)
Em Mateus Leme, esposa da vítima disse que assassinos se passaram por policiais para entrar na casa e matar homem que estava no quarto (foto: Reprodução da internet/Google Maps)


Pelo menos cinco pessoas foram mortas nas primeiras horas desta sexta-feira em Belo Horizonte e na região metropolitana, segundo a Polícia Militar (PM). A maioria das vítimas foi assassinada a tiros.

A primeira ocorrência foi pouco antes das 2h no Bairro Serra Azul, em Mateus Leme, onde um jovem de 21 anos foi assassinado dentro de casa. Quando os militares chegaram para atender a ocorrência, foram recebidos pela mãe da vítima, que entregou três cartuchos de munição à polícia e apontou a casa onde o filho morava com a esposa, na Alameda Manacás. 

A mulher disse que dois homens usando capacetes chegaram em uma motocicleta preta e disseram que eram policiais. Como em data anterior a polícia havia feito buscas no imóvel, ela acreditou e abriu a porta. Os homens entraram e procuraram o rapaz, que estava dentro de um quarto, na cama. A mulher disse à PM que eles estavam com duas armas. Uma delas falhou e um dos criminosos usou a outra para executar a vítima.

Conforme a PM, a viúva disse que suspeita que o crime possa ter relação com uma disputa por pontos de venda de drogas. Ela contou que o marido já tinha passagens pelo crime e estava jurado de morte. Há pouco tempo ele havia sido baleado em uma das pernas e estava se recuperando. Os autores do crime não foram localizados e o caso foi repassado à Delegacia de Polícia Civil de Mateus Leme. 

Em Betim, um homem não identificado foi encontrado morto no Bairro Estância do Sereno. Segundo a PM, a vítima teria cerca de 30 anos, pele negra, usava bermuda azul clara e camisa vermelha. O corpo estava próximo a um Fiat Uno vermelho e um Onix Branco na Alameda Sereno. Um médico do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) confirmou a morte. Ele também foi vítima de tiros e a perícia da Polícia Civil constatou duas perfurações no pescoço e uma nas costas. Os policiais acharam um documento perto da vítima, mas não era dela. O caso foi registrado na Delegacia de Plantão de Betim. 

Outros crimes


No início da manhã desta sexta, outras três ocorrências ainda estavam em andamento, segundo a PM. O corpo de um homem foi localizado na MG-424 em São José da Lapa. A suspeita é de que ele tenha sido vítima de um ataque com arma branca. 

Já em Belo Horizonte, na Região de Venda Nova, um homem foi morto a tiros dentro de casa na Rua Municipal, no Bairro Rio Branco

Pouco depois das 7h, outro assassinato em Betim, onde um morador foi baleado também em casa no Bairro Jalila Pedrosa. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade