Publicidade

Estado de Minas

BR-040 tem o maior número de mortos em acidentes no primeiro semestre em Minas

Balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) mostra diminuição de acidentes e mortes nas estradas federais mineiras neste primeiro semestre em relação ao mesmo período de 2018


postado em 24/07/2019 15:48 / atualizado em 24/07/2019 16:05

No primeiro semestre deste ano, 294 pessoas perderam a vida nas estradas federais sob responsabilidade da PRF em Minas(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
No primeiro semestre deste ano, 294 pessoas perderam a vida nas estradas federais sob responsabilidade da PRF em Minas (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

O primeiro semestre de 2019 foi com menos acidentes e mortes nas estradas federais sob responsabilidade da Polícia Rodoviária Federal (PRF). A diminuição no número de ocorrências foi de 13%, já nos óbitos foi de 3,2%. Mesmo assim, 294 pessoas perderam a vida nessas rodovias entre janeiro e junho. A campeã da estatística negativa é a BR-040, que teve 25,5% do total de mortes.

Dados da PRF mostram que no primeiro semestre foram registrados 4.031 acidentes nas rodovias federais em Minas Gerais. As ocorrências resultaram em 5.309 feridos e 294 mortes. Os números são inferiores ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 4.637 acidentes, com 5.280 feridos e 304 mortos.

A BR-040 está na frente com o maior número de mortes. Entre janeiro e junho, foram 820 acidentes na rodovia, com 1.006 feridos e 75 óbitos. Em relação ao número de acidentes e de feridos, a liderança fica com a BR-381. A estrada registrou 1.197 ocorrências, com 1.595 pessoas com ferimentos, e 65 óbitos. Na sequência vem a BR-116, com 529 acidentes, 700 feridos, e 37 mortes.

Um dos acidentes mais graves registrados na BR-040 aconteceu em março deste ano.  Um HB20 bateu de frente com um caminhão próximo a Congonhas, na Região Central de Minas Gerais. O motorista de uma carreta, que seguia atrás, freou para não se envolver na ocorrência, e o veículo deu um L na pista. Quatro pessoas morreram na colisão. Todas estavam no carro de passeio. A pista ficou totalmente fechada por quatro horas.

A BR-381 também teve ocorrências graves. Uma delas aconteceu em fevereiro. Um carro desgovernado saiu da pista, entre Antônio Dias e Nova Era, na Região do Rio Doce, e caiu em uma lagoa. Chovia no momento do acidente. Cinco ocupantes morreram na hora. As causas da ocorrência não foram esclarecidas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade