Publicidade

Estado de Minas

Frio e tempo seco devem permanecer por mais dias em Minas; veja previsão

Defesa Civil de Belo Horizonte emitiu alerta de baixa umidade válido até domingo. Noite de clássico promete ser gelada


postado em 11/07/2019 13:46 / atualizado em 11/07/2019 15:17

Tempo seco e frio não tem previsão para ir embora(foto: Jair Amaral/EM/D.A Press)
Tempo seco e frio não tem previsão para ir embora (foto: Jair Amaral/EM/D.A Press)

O frio de inverno que passa por Minas pede atenção com a chegada da massa de ar seco. Nesta quinta-feira, a Defesa Civil de Belo Horizonte emitiu um alerta de baixa umidade. A previsão é que fique em torno de 30% no período da tarde até às 18h. O alerta é válido até domingo.

De acordo com o Instituto de Meteorologia (Inmet), a umidade deve ser a mesma em todo estado, exceto na região Noroeste e Triângulo, onde o tempo seco prevalece, ficando em torno de 20% na umidade relativa do ar.

Na madrugada desta terça-feira, os termômetros na capital atingiram a mínima de 9,8°C na Pampulha e deve chegar a máxima de 23°C. 

De acordo com o meteorologista Cléber Souza, a população deve estar atenta com a junção da massa de ar frio e seca que prevalece em Minas desde o último domingo. “O frio e tempo seco por enquanto não tem previsão para acabar, mas a tendência é perder a massa fria e aumentar a seca”, explicou.

Clima no Mineirão

Durante esta noite na Pampulha, onde recebe o clássico entre Cruzeiro e Atlético pela Copa do Brasil no Mineirão, o tempo deve ficar frio com muita ventania. Segundo o meteorologista, os termômetros entram em declínio a partir dos 17ºC. 

Recomendações

A Defesa Civil de BH divulgou orientações para a população durante o clima seco:

  • Hidrate-se durante o dia
  • Prefira alimentos leves e frescos, como saladas, frutas, carnes grelhadas
  • Evite frituras
  • Durma em local arejado e umedecido por aparelhos umidificadores, ou ainda coloque uma bacia com água
  • Evite atividades físicas ao ar livre e exposição ao sol entre as 10h e 17h
  • Evite banhos com água muito quente, pois ressecam ainda mais a pele; se necessário use hidratante
  • Em caso de problemas respiratórios procure um especialista
  • Em caso de incêndio em mata ou floresta, avise imediatamente, ao Corpo de Bombeiros (193), Defesa Civil (199) ou Polícia Militar (190)
* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie.


Publicidade