Publicidade

Estado de Minas

Operação prende ao menos 23 suspeitos por tráfico de drogas sintéticas

Força-tarefa foi desencadeada pela Polícia Civil na Região Sul do estado e em São Paulo


postado em 19/06/2019 21:36

Imagem meramente ilustrativa de cristas de metanfetamina, uma das drogas apreendidas durante as duas primeiras fases da Operação Kaballah(foto: Reprodução/Wikimedia Commons)
Imagem meramente ilustrativa de cristas de metanfetamina, uma das drogas apreendidas durante as duas primeiras fases da Operação Kaballah (foto: Reprodução/Wikimedia Commons)

 

A Polícia Civil de Minas Gerais realizou a Operação Kaballah nesta quarta-feira (19). A corporação cumpriu sete mandados de prisão preventiva e 11 de busca e apreensão em Poços de Caldas e Andradas, na Região Sul do estado, e São João da Boa Vista (SP).


Segundo o último levantamento divulgado pela polícia, 23 suspeitos haviam sido detidos. Entre eles está um químico, morador de São João da Boa Vista, acusado de fabricar drogas alucinógenas e sintéticas.


De acordo com as investigações, ele distribuía drogas em todo o território nacional e também enviava para o exterior. O suspeito possui até mesmo um livro publicado sobre a experiência alucinógena da Dimetiltriptamina (DMT).


Um drone ajudou a corporação durante os trabalhos e flagrou o momento exato em que drogas foram dispensadas por um suspeito em um dos endereços da operação.


Essa foi a terceira fase da operação. A Polícia Civil desencadeou outras duas no mês de maio. Nelas, a corporação apreendeu diversas drogas, entre ecstasy, cocaína, maconha e haxixe, e metanfetamina em forma de cristas, conhecida como MD e também Ice.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade