Publicidade

Estado de Minas

Coltec celebra 50 anos como referência no ensino técnico; confira programação

Programação vai reunir gerações para o resgate da memória do Colégio Técnico. Fotografias das décadas de 1960 e 70 que retratam a construção do Coltec podem ser vistas


postado em 25/04/2019 14:18 / atualizado em 25/04/2019 20:24

Coltec comemora 50 anos em solenidade na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)(foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)
Coltec comemora 50 anos em solenidade na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) (foto: Marcos Vieira/EM/D.A Press)
O Colégio Técnico da UFMG inicia as comemorações de seus 50 anos de fundação em cerimônia nesta quinta-feira, no auditório do CAD 3, na UFMG, na Pampulha. Na ocasião, haverá lançamento de selo comemorativo e exibição de vídeo produzido pela TV UFMG. 


A comemoração tem o objetivo de promover o reencontro de pessoas que participaram da trajetória do Colégio e convidá-las a contribuir com o resgate histórico por meio da reunião de documentos, fotografias e depoimentos.

O Coltec foi criado em 1969, a partir de convênio celebrado entre o Conselho Britânico, a UFMG, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e o Ministério da Educação (MEC), para atender a demanda de formação de profissionais técnicos de nível médio.

A Biblioteca do Colégio teve seu primeiro acervo constituído por livros-texto doados pelo Conselho Britânico. Atualmente, reúne livros que contemplam não só as áreas dos cursos técnicos oferecidos pelo colégio, mas também assuntos de interesse geral, como literatura, artes, música, tecnologia e saúde.

 

Inauguração do Coltec, em abril de 1969 (foto: Acervo Coltec/UFMG)
Inauguração do Coltec, em abril de 1969 (foto: Acervo Coltec/UFMG)
 


Kelly Maria de Campos Fornero Abreu de Lima Melillo, de 35 anos, é professora de matemática e conta que a escola incentiva a pesquisa e a investigação desde o primeiro ano que os alunos ingressam. "Sou apaixonada pela escola, principalmente, pelos alunos. São excelentes, autônomos, educados, inteligentes e dedicados. Consigo propor atividades diversas, contando com a colaboração e interesse dos estudantes. É um lugar que tenho a docência reconhecida", contou.

"A parceria com a Universidade permite muitas trocas. Os alunos amadurecem rápido com a convivência com os alunos da graduação. E se envolvem cedo com pesquisa", acrescentou. 

Exposição

Fotografias das décadas de 1960 e 70 que retratam a construção e a inauguração do Coltec podem ser vistas até 30 de abril, na exposição Memórias e momentos, instalada na biblioteca da unidade, no campus Pampulha.

A exposição pode ser visitada na entrada da Biblioteca, campus Pampulha, de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, até 22 de fevereiro, e das 7h30 às 22h, depois dessa data. (Com informações da UFMG)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade