Publicidade

Estado de Minas

Réveillon da Alterosa promete festão na orla

Festa faz parte do calendário oficial de eventos de Belo Horizonte


postado em 30/12/2018 06:00 / atualizado em 30/12/2018 07:50

Praça da igrejinha é um dos pontos disputados na orla para assistir ao espetáculo no céu e receber o novo ano (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press %u2013 1/1/18 )
Praça da igrejinha é um dos pontos disputados na orla para assistir ao espetáculo no céu e receber o novo ano (foto: Leandro Couri/EM/D.A Press %u2013 1/1/18 )

A chegada de 2019 já tem local marcado no coração de Belo Horizonte. A tradicionalíssima queima de fogos na Lagoa da Pampulha, promovida pela TV Alterosa, promete receber o novo ano com mais de 150 cores e efeitos especiais.

Com entrada franca e infraestrutura completa – segurança, serviço médico, banheiros químicos, comércio de comida e bebida –, a festa, que acontece desde 1990 e faz parte do calendário oficial de eventos da capital, estima receber mais de 200 mil pessoas e deixar um dos cartões-postais mais bonitos e visitados da cidade iluminado, já que quatro balsas vão detonar 12 minutos de fogos em diferentes pontos da lagoa: Vertedouro, Praça de Iemanjá, Casa do Baile e Praça da Igreja São Francisco de Assis.


São quase três décadas de festa, que teve sua primeira queima na Praça do Papa, no Mangabeira, Região Centro-Sul de BH. A transferência para a orla da Pampulha ocorreu no ano seguinte e até hoje atraí moradores e turistas no patrimônio cultural da humanidade.

Desde então, tornou-se a maior queima de fogos embarcada em lagoa do Brasil. O réveillon da Alterosa reforça a presença da emissora na vida dos mineiros, segundo a gerente de eventos dos Diários Associados, Vércia Oliveira.

“Buscamos sempre uma visão diferente para que possamos demonstrar todo o nosso amor por Minas Gerais. Nós nos empenhamos para que a queima de fogos da Alterosa seja ainda mais bela a cada ano. É um momento de emoção e de esperanças renovadas”, destaca.


Publicidade