Publicidade

Estado de Minas

BH registra alagamentos, quedas de árvores e risco de inundação; veja vídeos

Corpo de Bombeiros já atende ocorrências em diferentes pontos da cidade. Alerta para temporal já tinha sido emitido nesta sexta-feira


postado em 19/10/2018 16:16 / atualizado em 19/10/2018 18:56

Árvore caiu na Avenida Augusto de Lima e fechou o trânsito(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)
Árvore caiu na Avenida Augusto de Lima e fechou o trânsito (foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação)

Belo Horizonte vive mais um dia de temporal com ventanias. A chuva forte aliado com os ventos fortes já trazem alguns transtornos para os moradores da capital mineira. Trechos estão com acúmulo de água e semáforos ficaram em flash em diferentes pontos da cidade, o que provocou lentidão. Parte do forro do teto feira shopping no Bairro Preto, Região Centro-Sul, desabou, e o local foi temporariamente interditado. Árvores também caíram. O acumulo de água também fez vários córregos subirem rapidamente, tendo risco de inundação.

Ver galeria . 9 Fotos Corpo de Bombeiros/Divulgação
(foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação )


De acordo com o Corpo de Bombeiros, houve um chamado para atendimento na feira shopping localizada na Avenida Augusto de Lima, no Barro Preto. De acordo com Flávia de Carvalho, diretora-geral da feira shopping, três peças do forro, que é de PVC, se soltaram, mas não atingiram ninguém. “Foi apenas um susto. O vento forte fez deslocar as três peças, que se soltaram. Houve pânico devido a queda de uma árvore em frente, que provocou o corte de energia”, explicou. Segundo ela, ninguém ficou ferido e o centro de compras teve que ser fechado devido a falta de energia elétrica. De acordo com a Defesa Civil, o local teve que ser interditado temporariamente para reparos.


No cruzamento da Rua Mato Grosso esquina com Augusto de Lima, também no Barro Preto, uma árvore caiu e atingiu alguns veículos. Ainda não há informações sobre feridos. Com o deslocamento das placas, o local ficou inundado, segundo o órgão.

No Bairro Carlos Prates, Região Noroeste de Belo Horizonte, houve o desabamento parcial de um muro. A ocorrência foi registrada na Rua Professor Mário Casassanta Não há informações de feridos.

A Defesa Civil de Belo Horizonte emitiu alertas de inundação durante a tarde. Um deles foi na Regional Oeste. A água do córrego dos pintos e do Ribeirão Arrudas, subiram rapidamente. Com isso, os moradores devem evitar a avenida Tereza Cristina, os cruzamentos com a Avenida do Contorno, no Barro Preto, e a Avenida Francisco Sá, no Prado.  Outro ponto que correu risco de inundação foi no entorno do córrego do Leitão. Por isso, os agentes pediram para evitar trafegar na Rua São Paulo, no cruzamento com a Avenida Bias Fortes, Alvarenga Peixoto, e Rua Bárbara Heliodora.

A chuva chegou a diminuir no fim da tarde, mas durante a noite voltou a ficar forte. Com isso, mais córregos encheram e ficaram próximos de transbordar. A Defesa Civil fez alerta de inundação para os córregos Gorduras, localizado na Região Nordeste, Córrego Vilarinho, da Avenida Abolição, Avenida C, na Região de Venda Nova.

O temporal já estava previsto pelos especialistas. Mais cedo, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) publicou aviso de possibilidade de chuva entre 20 e 30 mm/h ou até 50 mm/dia com ventos intensos, podendo atingir 60 Km/h.

Ações recomendadas

Em caso de rajadas de vento: (não se abrigue debaixo de árvores, pois há leve risco de queda e descargas elétricas e não estacione veículos próximos a torres de transmissão e placas de propaganda).
Evite usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.
Obtenha mais informações junto à Defesa Civil (telefone 199) e ao Corpo de Bombeiros (telefone 193).
* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade