Publicidade

Estado de Minas

Homem mata a mulher com 14 facadas e se suicida no Vale do Jequitinhonha

Lucimauro Gomes, de 40 anos, teria atacado mais quatro pessoas. As vítimas foram levadas para o Hospital São Vicente de Paula


postado em 26/09/2018 20:30 / atualizado em 26/09/2018 20:44

Uma mulher de 33 anos morreu após ser esfaqueada pelo marido no Bairro Água Santa, na cidade de Capelinha, no Vale do Jequitinhonha, na noite desta terça-feira. Lucimauro Gomes, 40, teria atacado mais quatro pessoas e, depois da ação, se suicidado.

Segundo a Polícia Militar, por volta das 22h, agentes foram acionados a comparecer à Rua Coronel Inácio Murta, pois havia indícios de que um homem teria esfaqueado algumas pessoas, sendo uma delas sua mulher.

Chegando ao local, os militares encontraram Adriana Oliveira, de 42 anos, caída no chão da casa, com 14 perfurações a faca próximas ao tórax. Em seguida, no quintal, os policiais teriam se deparado com Lucimauro, morto com sete perfurações no abdômen e com uma faca ensanguentada na mão direita.

Conforme uma prima da mulher, ela e mais três pessoas que estavam próximas ao local ficaram sabendo de uma discussão na casa entre Adriana e Luciamuro. Chegando lá, ainda de acordo com a testemunha, eles encontraram o homem com a faca na mão e tentaram intervir, mas acabaram sendo esfaqueados também. Depois dos ataques, o homem teria ido ao fundo da casa e se suicidado.

A Polícia Militar informou que o homem fazia tratamento contra a depressão. Quanto às vítimas, elas foram levadas ao Hospital São Vicente de Paula, em Capelinha. Os corpos dos dois mortos foram levados ao IML.

*Estagiário sob supervisão da editora Liliane Corrêa

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade