Publicidade

Estado de Minas

Bebê é baleado e morto no colo da mãe em Juiz de Fora

Crime aconteceu na tarde de domingo, em que foi comemorado o Dia das Mães. Tiros seriam para matar um homem, de 24 anos, que estava em uma rua


postado em 14/05/2018 08:57 / atualizado em 14/05/2018 10:13

Em pleno Dia das Mães, um bebê, de 1 ano, foi baleado quando estava no colo da mãe e morreu na tarde de domingo em uma rua de Juiz de Fora, na Zona da Mata. O autor do disparo, que queria matar um homem que estava na via, foi preso. 

De acordo com a Polícia Militar (PM), a mãe, de 21, estava sentada com o filho no colo em uma calçada da Rua Pedro Paulo Vieira, no Bairro Santa Cândida, quando dois homens em uma moto passaram atirando. 

O alvo dos disparos era um homem, de 24, que foi atingido na perna direita, mas entrou em uma casa e conseguiu escapar dos outros disparos. Contudo, segundo a PM, os tiros atingiram a mãe e o bebê. 

Inicialmente, os dois foram socorridos para o Hospital Doutor João Felício. O homem, alvo dos tiros, foi para o Pronto-Socorro de Juiz de Fora. A mãe, no entanto, pediu transferência para outra unidade, enquanto o seu bebê precisou ser levado por uma viatura Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o HPS da cidade devido a gravidade dos ferimentos. 

Na unidade de saúde, os médicos constataram que o bebê foi baleado com um tiro no abdômem. A criança morreu logo depois que deu entrada no hospital. Em conversa com os policiais, a mãe contou que, durante os tiros, o homem a usou como escudo, a empurrando junto com o filho na direção dos disparos, para tentar se esconder. 

Ainda segundo a corporação, testemunhas que presenciaram o ataque deram características dos suspeitos aos PMs. Em conversa com o alvo do ataque, o homem passou aos militares um endereço do suspeito, no Bairro Olavo Costa. 

O suspeito foi localizado na casa indicada. Ele chegou a resistir à ordem de prisão, mas foi detido. Na casa foram encontradas um capacete e uma jaqueta camuflada, ítens que foram apontados por testemunhas na identificação dos suspeitos. A arma usada, no entanto, não foi localizada. O outro ocupante da motocicleta segue foragido. 

O estado de saúda da mãe e do homem é estável. 
 
*Estagiário sob supervisão da subeditora Regina Werneck 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade