Publicidade

Estado de Minas

Polícia busca imagens para esclarecer morte de criança atropelada por Kombi em BH

Ezequias Leal, de 9 anos, morreu no cruzamento das Ruas Guararapes e Novo Mundo no Bairro Novo Glória. Motorista fugiu e equipes da Polícia Civil buscam por ele


postado em 09/05/2018 09:47 / atualizado em 09/05/2018 11:23

A Polícia Civil busca imagens de câmeras de segurança que possam ajudar a esclarecer a morte de Ezequias Leal Gomes, de 9 anos, atropelado por uma Kombi que avançou a sinalização de parada obrigatória na tarde da terça-feira em um cruzamento no Bairro Novo Glória, na Região Noroeste de Belo Horizonte. 
 
A corporação também informou que o delegado Pedro Ribeiro, da Delegacia Especializada de Acidente de Veículos, enviou equipes para buscarem por Sidney Lages Moreira de Souza, de 33 anos, motorista da Kombi que fugiu após o acidente sem prestar socorro às vítimas. Conforme a Polícia Civil, caso seja localizado nesta quarta-feira, Sidney será preso em flagrante por omissão de socorro.
 
Sendo detido, essa não será a primeira vez que o motorista irá para a cadeia. Consta no registro criminal de Sidney, segundo a Polícia Civil, uma passagem por roubo qualificado com possível emprego de arma, mas a data da prisão não foi informada. Uma tia do homem que conversou com policiais militares após o acidente também foi intimidada para prestar depoimento ao delegado.
 
No acidente, o irmão de Ezequias, de 12, também foi atropelado e segue internado em estado estável, mas sem previsão de alta, no Hospital Odilon Behrens. Conforme a assessoria de imprensa da unidade de saúde, o menino sofreu uma lesão na bacia e ferimentos por todo o corpo. 

Nesta manhã, a assessoria de imprensa do Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran) informou que o delegado responsável por investigar as circunstâncias do acidente vai mandar uma equipe da Polícia Civil ao cruzamento das Ruas Guararapes e Novo Mundo para apurar se alguma câmera de segurança registrou o acidente. 

O corpo de Ezequias é velado nesta manhã em uma funerária de Matozinhos, na Grande BH. 

Acidente 

O motorista da Kombi, Sidney Lages Moreira de Souza, de 33, fugiu após o acidente. Segundo a Polícia Militar (PM), ele seguia com a Kombi pela Rua Novo Mundo, avançou a sinalização de parada obrigatória e bateu em um caminhão que seguia pela Rua Guararapes. 

Após a batida, a Kombi capotou e atingiu Ezequias Leal e o irmão. A versão foi apresentada pelo motorista do caminhão e por pessoas que testemunharam o acidente. Médicos do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) constataram a morte de Ezequiel ainda no local, enquanto o irmão foi socorrido ao Odilon Behrens.

Ainda conforme a PM, uma tia de Sidney foi ao cruzamento da ruas e informou aos militares que o sobrinho fugiu porque ficou com medo de ser linchado. Conforme a familiar, Sidney trabalhava atualmente como ambulante.

Na manhã desta quarta-feira, a Polícia Civil informou que o motorista da Kombi ainda não se apresentou. 
 
*Estagiário sob supervisão da subeditora Regina Werneck 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade