Publicidade

Estado de Minas

Acidente entre caminhão e Kombi mata criança no Bairro Novo Glória

Duas crianças foram atropeladas e uma delas acabou morrendo. Motorista da Kombi deixou o local do acidente, segundo a polícia


postado em 08/05/2018 12:57 / atualizado em 08/05/2018 18:29

Uma criança de 9 anos morreu atropelada em um grave acidente no fim da manhã desta terça-feira no Bairro Novo Glória, Região Noroeste de Belo Horizonte. O irmão da vítima, de 12, também ficou ferido e foi levado ao hospital, onde segue internado.

Segundo a Polícia Militar (PM), as duas vítimas foram atropeladas durante um acidente envolvendo um caminhão e uma Kombi na Rua Guararapes. O Serviço de Atendimento Médico de Urgência (Samu) foi acionado e constatou o óbito da criança.

O menino de 12 anos, também foi atingido pela Kombi e encaminhado para o hospital Odilon Behrens, após ser atendido pelo Samu. Segundo a equipe, a criança reclamou de dores no pescoço e abdômen.

Durante o trajeto até o hospital, ele ainda teve uma crise convulsiva. Segundo a assessoria de imprensa do Odilon Beherens, o estado de saúde do menino é grave. A suspeita é que ele tenha sofrido uma fratura na pelve.

Em seu depoimento à polícia, o motorista do caminhão contou que seguia pela Rua Guararapes, quando foi surpreendido pela Kombi ao passar pelo cruzamento com a Rua Novo Mundo. Com o impacto, a Kombi tombou e atingiu as duas crianças na calçada.

Uma testemunha, que pediu para não ser identificada, confirmou a versão do motorista de caminhão e afirmou que o condutor da Kombi não respeitou a parada obrigatória. "Ele avançou direto e o motorista do caminhão ainda tentou desviar, mas acabou atingindo a lateral da Kombi", contou.

A testemunha ainda conta que o motorista da Kombi desceu no veículo e ficou sentado no passeio. "Quando olhei novamente, ele já tinha sumido", relata. Os militares confirmaram a fuga do motorista e, até a tarde desta terça-feira, ele ainda não havia sido localizado.

De acordo com o boletim de ocorrência, uma tia do condutor da Kombi esteve no local e teria encontrado com sobrinho antes que ele fugisse. Segundo ela, ele estava machucado e disse ter medo de ser linchado pelos populares.

Os militares informaram ainda terem identificado irregularidades na Kombi, que foi removida para o pátio do Detran. Dentre as irregularidades encontradas, está o atraso no pagamento do IPVA, além do veículo estar com os pneus desgastados.

* Estagiária sob supervisão da subeditora Ellen Cristie

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade