Publicidade

Estado de Minas

Suspeitos de envolvimento a incêndio de ônibus na Grande BH são presos

Polícia também chegou a mais três pessoas que estariam ligadas ao trio. Veículo foi queimado no Bairro Pedra Branca, em São Joaquim de Bicas


postado em 13/04/2018 20:30 / atualizado em 13/04/2018 21:03

(foto: PMMG/Divulgação)
(foto: PMMG/Divulgação)
A Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) prendeu na noite desta sexta-feira três pessoas suspeitas de incendiarem, nesta tarde, um ônibus em São Joaquim de Bicas, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Corporação fazia o rastreamento na área quando recebeu uma denúncia de disparos em um sítio da cidade. Além dos três apontados como executores de incêndio, PMMG também prendeu mais três pessoas por envolvimento no crime. 

Segundo o tenente Gustavo Quintão, dois homens e uma mulher abordaram o veículo e mandaram o motorista parar o ônibus. "Pegaram o dinheiro e mandaram todo mundo descer. Depois, eles deixaram um bilhete com o condutor, falando que aquela era uma ação em represália de prisões feitas na madrugada desta sexta-feira", contou.

O militar explicou que cinco pessoas foram detidas na madrugada por assaltar um veículo, o que teria levado o trio a queimar o ônibus. Ao deter os envolvidos, os militares chegaram a mais três pessoas, apontadas como mandantes do crime. No local, a corporação ainda apreendeu drogas, rádio-comunicador e munições de 9 e 22 milímetros. Os seis envolvidos foram levados para o Pelotão de Bicas para serem ouvidos.

*Estagiário sob supervisão da subeditora Regina Werneck

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade