Publicidade

Estado de Minas

Após protesto de taxistas em BH, Kalil diz que multas na pista do Move são 'erro do prefeito'

Motoristas de Confins protestaram na Avenida Pedro I contra as autuações. Prefeito diz que problema será corrigido até segunda-feira


postado em 05/04/2018 11:35 / atualizado em 05/04/2018 11:41


O prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil (PHS), disse, nesta quinta-feira, que as multas aplicadas aos taxistas de Confins que foram multados ao transitar nas faixas exclusivas do move são “erro do prefeito”. Ele garantiu que a estão será solucionada na semana que vem. A questão motivou um protesto dos motoristas nesta manhã na Avenida Pedro I, na Pampulha.

De acordo com a BHTrans, os condutores se manifestaram pedindo para rodar nas faixas exclusivas do Move sem serem multados. Como eles são de uma cidade que não possui convênio com a Prefeitura de BH, não possuem esse benefício, que se estende apenas para taxistas de Ribeirão das Neves, Contagem, Ibirité e Sabará. 

“O problema das multas dos táxis no MOVE é erro do Prefeito. Será corrigido até segunda-feira. Fiquem tranquilos”, publicou Kalil em seu perfil no Twitter. Questionada sobre a fala do prefeito, a BHTrans informou que vai entrar em contato com a prefeitura de Confins para solucionar a questão. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade