Publicidade

Estado de Minas

Volume de chuva diminui a partir de quarta-feira em Minas Gerais

Nesta segunda-feira, em BH, há chance de chuva para os períodos da tarde e noite. Aeroporto de Confins opera por instrumentos e voos foram cancelados


postado em 12/03/2018 09:16 / atualizado em 12/03/2018 09:31

(foto: Paulo Filgueiras/ EM/ D.A Press)
(foto: Paulo Filgueiras/ EM/ D.A Press)
Indicativos meteorológicos apontam para uma redução no volume de chuva esta semana em Minas Gerais. Nesta segunda-feira, ainda há possibilidade de precipitação em Belo Horizonte e região metropolitana, conforme previsão no Instituto Clima Tempo. 

A temperatura varia entre 18 e 29 graus e a chuva deve se concentrar nos períodos da tarde e noite na Grande BH nesta segunda-feira.

No decorrer da semana, o termômetro vai de 19 a 27 graus e, a partir de quinta-feira, não há chance de chuva para a capital mineira. 

No interior de Minas Gerais, onde a chuva deixou cidades ilhadas neste mês, as precipitações se concentram com mais força no Leste, Noroeste e Norte do estado. As demais regiões registram sol entre nuvens e chance de chuva isolada. 

Águas de março 

Segundo a Defesa Civil de Belo Horizonte, as duas primeiras semanas de março foram marcadas pelo alto volume de água. Só nos primeiros 11 dias, a chuva foi quase duas vezes maior que a média histórica em todas as regionais. 

As regiões Oeste e Centro-Sul foram as mais atingidas. De acordo com o órgão, a média histórica em março é de 163,5 milímetros. Em todas as regiões da cidade o nível de precipitação superou a média. Veja o acumulado até a manhã de segunda-feira.  

  • Barreiro  297,6 (182%)
  • Centro Sul  379,9 (232%)
  • Leste  340,6 (208%)
  • Nordeste  346,0 (212%)
  • Noroeste 363,2 (222%)
  • Norte   220,4 (135%)
  • Oeste   392,4 (240%)
  • Pampulha  236,6 (145%)
  • Venda Nova  215,6 (132%)

Voos atrasados e cancelados Confins 

O Aeroporto Internacional Tancredo Neves, em Confins, na Grande BH, opera por instrumentos desde o fim da noite desse domingo (11-03) e a situação segue instável nesta manhã. 

Segundo a BH Airport, que administra o terminal, foram registrados oito atrasos de voos e dois cancelamentos. O em.com.br procurou a assessoria de imprensa do aeroporto para saber as causas da operação por instrumentos, mas as ligações não foram atendidas. 
 
*Sob supervisão do editor Benny Cohen

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade