Publicidade

Estado de Minas

90 pássaros silvestres são apreendidos na Região Central de Minas

As apreensões ocorreram durante um evento em Sete Lagoas. 18 pessoas foram presas


postado em 23/01/2018 18:41 / atualizado em 23/01/2018 18:48

(foto: Polícia Militar/ Divulgação)
(foto: Polícia Militar/ Divulgação)
Dezoito pessoas foram presas e 90 pássaros silvestres apreendidos pela Polícia Militar de Meio de Meio Ambiente em Sete Lagoas, na Região Central de Minas. Os animais foram recuperados por meio da "Operação Sete Lagoas Livre de Gaiolas", que contou com a participação de fiscais da Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Semad) e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente (Ibama).

A operação consistiu na fiscalização do "Torneio de Canto de Pássaros", que estava ocorrendo no Ginásio Farnetti, em Sete Lagoas. A apreensão ocorreu no último domingo. 

De acordo com a PM, foram apreendidos 90 pássaros, sendo 42 aves silvestres sem anilha de identificação, 27 aves silvestres com indícios de adulteração nas anilhas e 21 aves silvestres com anilhas de identificação e abandonadas no local. 105 gaiolas  foram apreendidas, além de uma espingarda de pressão.

Para criar as aves em cativeiro, é preciso ter autorização do Ibama. Segundo a Lei 9.605, "matar, perseguir, caçar, apanhar, utilizar espécimes da fauna silvestre, nativos ou em rota migratória, sem a devida permissão" é crime. A pena pode chegar a um ano de detenção e multa.

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade