Publicidade

Estado de Minas

Concessionária é arrombada e criminosos fogem com moto e carros em BH

Crime ocorreu durante a madrugada e foi descoberto depois que guardas municipais localizaram suspeito com moto levada


postado em 20/04/2017 09:40 / atualizado em 20/04/2017 09:44

Motocicleta foi recuperada por guardas municipais(foto: Guarda Municipal/Divulgação)
Motocicleta foi recuperada por guardas municipais (foto: Guarda Municipal/Divulgação)
Uma concessionária de veículos que fica no Bairro Dona Clara, na Região da Pampulha, foi invadida e furtada na madruga desta quinta-feira. Quatro carros e uma motocicleta BMW foram levados. O veículo menor foi recuperado depois que guardas municipais perseguiram um suspeito, que foi detido.

De acordo com a assessoria de imprensa da Guarda Municipal, por volta das 4h20, guardas em uma viatura patrulhavam a orla da Lagoa da Pamupulha quando desconfiaram de um motociclista que estava na BMW. Ele fugiu ao notar a presença dos guardas, que o seguiram. O suspeito caiu do veículo e foi detido. Os guardas chamaram reforços.

Ao verificar a placa, os guardas conseguiram identificar o dono do veículo. Por telefone, ele disse que a moto estava para ser vendida em uma concessionária na Avenida Sebastião de Brito, no Bairro Dona Clara. Ele entrou em contato com o dono do estabelecimento, que foi até o imóvel e descobriu que, além da motocicleta, quatro carros de passeio haviam sido furtados.

Ainda de acordo com a Guarda Municipal, o suspeito, que tem 20 anos, negou envolvimento na invasão e furto à conessionária. Ele diz ter comprado a motocicleta por R$ 500 na Praça do Papa, Região Centro-Sul de Belo Horizonte, e que pretendia cloná-la. A Guarda  informou que ele já foi detido em outra ocasião com uma Captiva roubada, e que já tem outra passagem por furto.

Após receber atendimento médico, ele foi encaminhado à Delegacia do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). O veículo recuperado está em um pátio. A polícia tenta, agora, localizar os carros furtados.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade