Publicidade

Estado de Minas

Homem é preso em Uberlândia por manter serpentes em cativeiro

Animais apresentavam quadro de desnutrição e desidratação e foram encaminhados para atendimento veterinário


postado em 30/07/2016 18:49 / atualizado em 30/07/2016 19:01

(foto: PMMG/Divulgação)
(foto: PMMG/Divulgação)
Por meio de denúncia anônima, a Polícia Militar Ambiental de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, prendeu um homem de 29 anos, acusado de manter em cativeiro, e em situação de maus-tratos, dois filhotes de jiboia. Os animais estavam em uma residência no Bairro Tubalina, na Região Sul da cidade, e apresentavam quadro aparente de desnutrição e desidratação.

Segundo a PM e foram encaminhados para o Laboratório de Ensino e Pesquisa em Animais Silvestres da Universidade Federal de Uberlândia (UFV), para avaliação, exames e tratamento veterinário.

A prisão ocorreu no fim da manhã deste sábado. De acordo com a PM, a prática contraria o artigo 29 (por manter em cativeiro) e 32 (pelos maus-tratos), da Lei de Crimes Ambientais (9.605/98). O autor preso foi encaminhado para a delegacia onde o boletim de ocorrências foi lavrado. A PM reforça que manter animal em cativeiro é crime e que denúncias desse tipo de situação podem ser feitas por meio do telefone 181, da Polícia Civil.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade