Publicidade

Estado de Minas

Bebê de 8 meses fica com pescoço preso em grades do berço e morre no hospital

Criança foi encontrada pelo pai com a cabeça para fora do berço, porém com o pescoço preso entre as grades. No hospital, médicos tentara reanimar o bebê por cerca de 40 minutos, mas sem sucesso


postado em 01/07/2014 11:11 / atualizado em 01/07/2014 12:10

Um bebê de 8 meses morreu na segunda-feira depois de prender o pescoço no berço dentro de casa em Poços de Caldas, no Sul de Minas Gerais. De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar (PM), o pai encontrou a criança presa, quebrou a grade de madeira e levou o menino ao Hospital Pedro Sanches. Quando deu entrada na unidade de saúde, o bebê L.F.T.F. já estava morto no colo da mãe. Os médicos e funcionários acionaram a PM para registro da ocorrência.

O médico relatou aos policiais que a criança já chegou sem pulso e foram feitas manobras de reanimação por cerca de 40 minutos, porém sem sinal de resposta. A família mora no Bairro Jardim Del Rey. O pai disse que acordou por volta de 10h30 e foi até o quarto do bebê, que fica ao lado do cômodo onde dormem os adultos. O homem relatou que L.F. estava com a cabeça para fora do berço, porém com o pescoço preso entre as grades de madeira. Segundo o pai, o bebê era muito esperto e tinha o costume de rolar enquanto dormia.

O caso foi registrado pela PM como encontro de cadáver, levando em conta que a corporação foi acionada somente no hospital.

Conforme a PM, ficará a cargo da Polícia Civil investigar se houve negligência no caso. O bebê é velado nesta terça-feira no Cemitério da Saudade, em Poços de Caldas.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade