Publicidade

Estado de Minas

Barbacena decreta situação de emergência por falta d'água

Furto frustrado de combustível da Petrobras terminou em acidente ambiental. Cerca de 70 mil pessoas estão fazendo uso racionado de água


postado em 14/04/2013 13:36 / atualizado em 14/04/2013 14:11

O racionamento no abastecimento de água fez a prefeitura de Barbacena, na Região Central de Minas, decretar situação de emergência neste domingo. Com a formalização do decreto, o órgão espera conseguir recursos dos governos estadual e federal. Desde quinta-feira, a captação na estação municipal de tratamento de água está suspensa por causa do óleo derramado no leito do Rio das Mortes por homens que roubaram combustível de um oleoduto da Petrobras.

De acordo com a a assessoria do órgão, a situação é contornada com caminhões-pipa e as instituições públicas como hospitais e escolas estão sendo priorizadas. A prefeitura também informou que nova reunião será realizada às 16h deste domingo para determinar quantos dias a população terá que conviver com a falta d'água. Na cidade, cerca de 70 mil pessoas estão fazendo uso racionado. O restante da população, aproximadamente 60 mil moradores, permanece recebendo água da Copasa, que tem outra fonte de captação.


Ontem, técnicos ambientais que trabalham para retirar o combustível do leito do rio informaram que as barreiras de contenção colocadas ao longo de um trecho de 15 quilômetros do curso d’água não estão conseguindo absorver totalmente o óleo. O nível de óleo baixou, mas a água continua imprópria para consumo no local de captação da estação de tratamento.

O CRIME O acidente ambiental em Barbacena foi resultado de um furto de 40 mil litros de óleo diesel de um oleoduto da Petrobras na região. Três homens invadiram o local e encheram os tanques de uma carreta-tanque bitrem. Na fuga, o veículo ficou atolado em uma estrada vicinal e os criminosos resolveram dispensar o combustível no solo. O óleo atingiu o Córrego Sapateiro, já na foz com o Rio das Mortes. A Polícia Militar do Meio Ambiente foi chamada e conseguiu prender o motorista Fábio Mendes de Castro, de 38 anos. Os dois comparsas dele fugiram.(Com informações de Valquíria Lopes)


Publicidade