Publicidade

Estado de Minas

Ligação entre as avenidas Tancredo Neves e Pedro II será inaugurada após quase 5 anos

Obra começou em 2007 e tinha previsão para terminar em 2010. Problemas com a desapropriações fizeram com que a intervenção fosse adiada pelo menos três vezes


postado em 03/07/2012 15:04 / atualizado em 03/07/2012 19:08

A via será inaugurada na manhã desta quarta-feira(foto: Marcos Michelin/EM/D.A.Press)
A via será inaugurada na manhã desta quarta-feira (foto: Marcos Michelin/EM/D.A.Press)
 

A obra que vai ligar o corredor da Região Noroeste de Belo Horizonte à Região da Pampulha finalmente será inaugurada nesta quarta-feira após quase cinco anos. A intervenção, que vai conectar as avenidas Tancredo Neves e Pedro II, começou em 2007 e foi adiada por diversas vezes. A previsão inicial para o término era 2010. Porém, houve atrasos com a remoção de famílias da Vila São José. A nova data foi estendida para 2011 e, novamente, empecilhos nas desapropriações travaram a inauguração. 

Os moradores da região terão de se acostumar ao grande número de veículos que passará pela ligação entre a Pedro II e as avenidas João XXIII e Tancredo Neves. Segundo a BHTrans, o fluxo da via em horário de pico, na parte da manhã, crescerá de 3.443 para 3.902 automóveis, motos, caminhões e ônibus por hora. Durante a tarde, o número atual é de 2.772 e passará para 3.499.

A empresa municipal de trânsito acredita que o movimento na região vai aumentar gradativamente e não vê problemas, pois a via foi preparada para suportar um grande fluxo de veículos. Outra medida que vai ajudar os moradores, segundo a BHTrans, é a construção da Estação São José, que vai fazer a ligação das linhas coletoras até o transporte rápido por ônibus (BRT na sigla em inglês).

A empresa faz um alerta à população da região para ficar atenta, já que o risco de acidentes aumenta com o maior fluxo de automóveis. 

Dona Dalva foi a última moradora a se mudar da Vila São José. O entrave durou três meses e atrasou as obras. Hoje a costureira mora no Bairro Ressaca, em Contagem(foto: Beto Magalhães/EM/D.A.Press)
Dona Dalva foi a última moradora a se mudar da Vila São José. O entrave durou três meses e atrasou as obras. Hoje a costureira mora no Bairro Ressaca, em Contagem (foto: Beto Magalhães/EM/D.A.Press)


Entrave nas desapropriações

De acordo com a Superintendência de Desenvolvimento da Capital (Sudecap), a obra custou cerca de R$ 150 milhões, sendo sendo 65% dos recursos repassados pelo Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo federal, e o restante investidos pela Prefeitura de Belo Horizonte. Segundo o órgão, a demora para o fim da intervenção se deu, primeiramente, pela troca da empreiteira responsável pela obra que faliu. A mudança demorou mais de seis meses.

O outro entrave enfrentado foi com as desapropriações. Segundo a Sudecap, a questão demorou, pois lida com a questão social e o processo de remoção demora bastante por causa das discussões.

Entre os problemas enfrentados pelo órgão foi a resistência de uma idosa, a costureira Leonilda de Souza, conhecida como dona Dalva, de 69 anos, que conseguiu retardar sua remoção por três meses e fez com a as obras atrasassem ainda mais. O Estado de Minas acompanhou de perto a luta de Leonilda em permanecer no local. Ela acabou, no fim do ano passado, se mudando para o Bairro Ressaca, em Contagem, na Grande BH.

Mudança nas linhas de ônibus

Com a nova ligação, algumas linhas de coletivos terão o itinerário alterado. Confira abaixo:

404 – Sentido Jardim Alvorada/Av. Dom Pedro II: ...Rua Flor da Noiva, Rua Flor das Pedras, Av. Tancredo Neves sentido Centro/Bairro, retorno, Av. Tancredo Neves sentido Bairro/centro, Av. Dom Pedro II, (retorno na Rua Carlos Goes), Av. Dom Pedro II, Rua Flor das Pedras, seguindo pelo itinerário atual.

3501A e 3501B – Sentido Bairro/Centro: ...Rua Flor das Pedras, Av. Tancredo Neves sentido Centro/Bairro, retorno, Av. Tancredo Neves sentido Bairro/Centro, Av. Dom Pedro II, seguindo pelo itinerário atual.

9411 – Sentido Centro/Bairro: ...Av. Dom Pedro II, Av. Tancredo Neves sentido Centro/Bairro, retorno, Av. Tancredo Neves sentido Bairro/Centro, Marginal do Anel Rodoviário, seguindo pelo itinerário atual.


Publicidade