Publicidade

Estado de Minas

Universitário é agredido ao fotografar venda de animais no Mercado Central


postado em 15/04/2012 13:25 / atualizado em 15/04/2012 20:32

Um estudante de direito foi agredido ao fotografar animais sendo vendidos de forma irregular no Mercado Central, no início da tarde deste domingo. Rodrigo Silveira participava de uma manifestação contra a venda de animais no Mercado Central, quando flagrou uma gaiola com três faisões dourados. O dono da loja viu que o rapaz estava tirando fotos dos animais e o agrediu com uma caixa de madeira na cabeça.

Stenia Couto, que é uma das coordenadoras da manifestação realizada neste domingo, conta que cinco homens cercaram o manifestante e o coagiram a apagar as fotos. Ela acionou a Polícia Militar para registrar a agressão contra o rapaz.

Rodrigo foi levado para a delegacia para registrar a ocorrência da agressão. O presidente do Mercado Central também foi até a delegacia para prestar esclarecimentos.

Ainda de acordo com Stenia, o dono da loja deixou o local logo depois que a PM foi chamada. Já os funcionários do estabelecimento se negaram a informar o nome do comerciante.

O Estado de Minas tentou entrar em contato com o presidente do Mercado Central, que não foi encontrado.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade