Publicidade

Estado de Minas

Polícia aguarda decisão judicial em SP para trazer Quén-Quén para Minas

Quén-Quén foi preso passeando pela cidade de Praia Grande. Pezão e Genilson Santana Dias foram detidos em um apartamento com vista para o mar em Santos.


postado em 06/10/2011 15:13 / atualizado em 06/10/2011 15:53

A Polícia Civil mineira aguarda uma decisão da Justiça de Santos, no litoral paulista, para a transferência de Bruno Rodrigues de Souza, o Quén-Quén, e Ângelo Gonçalves de Miranda Filho, de 29 anos, conhecido como Pezão, e Genilson Santana Dias, para Minas. Segundo o delegado Bruno Wink, a expectativa é de que eles cheguem ao estado ainda nesta quinta-feira.

Quén-Quén foi detido na tarde de quarta-feira enquanto passeava com a família no calçadão de uma praia na cidade de Praia Grande. Já Pezão foi preso na noite de terça-feira em um apartamento com vista para o mar em Santos. Ele seria um dos líderes da quadrilha em Minas. No apartamento também estava Genilson Santana, que também seria membro da facção. A Polícia Civil de Minas monitorava o grupo em São Paulo desde o início da semana.



Veja a reportagem da TV Alterosa

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade